O sonho da menina

08/09/2017

08set2017

O SONHO DA MENINA

.
No mundo que ela em sonho cria
O real se fantasia na quimera
Quem dera também fosse de dia
Tudo o que ela à noite era

Princesas em reinos encantados
Amor dedilhado em liras ao luar
Ela dança em seu vestido escarlate
E a brisa acaricia o seu sonhar

Sonha, minha menina adormecida
Que o dia logo vai te despertar
E os sonhos que hoje cultivas
Serão estrelas na vida a te guiar

.
Ricardo Kelmer 2013 – blogdokelmer.com

.

> Mais poemas

.

LEIA NESTE BLOG

OSonhoQueMorreuNaPraia-04O sonho que morreu na praia – O mar, que não liga para nacionalidades, aceitou receber o menino sonhador

Como violentar crianças em 30 segundos – É a máxima do Compre Baton: hipnotize desde cedo uma criança e você terá um zumbi-consumidor para o resto da vida

A metamorfose – Um miniconto sobre o fundo do poço

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01 – Muito fofo!!!! Christina, Rio de Janeiro-RJ – mai2006

02- adoreeeii. Danielle Freire Milfont, Fortaleza-CE – mar2011

03- Gostei tbm… rsrsrsrss. Michelle Costa, Fortaleza-CE – mar2011

04- Adoro todo vestido vermelho… Já li este conto p um grupo de internos de uma casa de saúde mental. Só uma louca p levar a obra de um louco p os outros. Paula Izabela, Juazeiro do Norte-CE – mar2011

05- adorei a ‘cereja’. Gloria Sousa, Fortaleza-CE – mar2011

06- Uma delícia, adorei!! 🙂 Mabel Amorim, Campina Grande-PB – mar2011

07- Essa história aconteceu de verdade? Lindalva Barbosa, Fortaleza-CE – nov2013

08- Sempre trabalho esse texto em sala. Eles adoram! Dalu Menezes, Fortaleza-CE – nov2013

09- Adorei! Hummmm… porque o texto tem aquele flerte meio sapeca nele, o tipo que deixa o dia da gente mais feliz, sabe? Não aquela coisa forçada de pegação, mas só aquele gostinho, que faz a gente querer mais. Só que não pode, muita cereja doce de uma vez só da dor de barriga… Marina LF, Porto Alegre-RS – nov2013

10- Será que realmente os homens reparam em mulheres na rua assim? Ou só reparam em cerejinhas mesmo? Marina LF, Porto Alegre-RS – nov2013

11- Rsss…. imaginação fértil. Claudia Maria Crivellente, São Paulo-SP – nov2013

12- amei demais!!! Luciene Maia, Fortaleza-CE – nov2013

13- Nesse, como em outros contos RK Eu sempre fico vendo a cena, imaginando as pessoas exatamente com cada palavra, respiração… Enfim dou bastante risada com o desastrado sedutor da história… E tem códigos embutidos é? kkkkk Cereja má mesmo, mas quem manda ele ser lento? Ivonesete Zete, Fortaleza-CE – nov2013

14- Hummmm bom. Sandra Allegreti, Fortaleza-CE – nov2013

15- Continuas sonhando, nem Freud explica. A gente continua o mesmo, so o tempo passa hehehe. Roberto Studart Soares, Fortaleza-CE – nov2013


CerejasAoMeioDia-07a

Anúncios

Coacoara Jeri

21/08/2017

21ago2017

A saudade de Jericoacoara em mim… Coacoara em minhalma assim

COACOARA JERI

.
A vida em Jeri suspira à tardinha
Quando o sol beija a linha do mar
É no alto da duna que eu vou viajar

A lua faceira põe logo o seu véu
E desfila no céu pra deleite do olhar
Eu quero um romance com brinde ao luar

E feito um convite que a brisa insinua
A noite vem nua querendo dançar
Tem vinho, fogueira e viola a tocar

A saudade de Jericoacoara em mim
Coacoara em minhalma assim
Coacoara, Jeri… Coacoara, Jeri
Coacoara em mim

.
Ricardo Kelmer 2014 – blogdokelmer.com

.

> Mais poemas e letras de música

.

LEIA NESTE BLOG

ODesejoDaDeusa-02O desejo da Deusa – Um encontro na praia, as forças da Natureza e um deus repressor

O Reino Encantado de Jericoacoara – Perder-se em Jeri, eu recomendo. Perder-se de paixão. Perder a noção do tempo, a carteira de identidade, o medo de se experimentar…O Reino Encantado de Jericoacoara

Inculta e bela, dengosa e cruel – Então arrumei de novo a mochila, me despedi com muitos beijos, seu hálito de vodca me soprando toda a sorte do mundo, eu barquinho de papel rio abaixo, louco para ir, doido para ficar

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

 

 


Prazer e aflição

25/07/2017

25jul2017

Por que escrevemos, os escritores?


.
Por que escrevemos, os escritores?
Por prazer e aflição
De quem escreve e de quem lerá
E nessa contradição nos entendemos
Escritor e leitor
Dois lados do mesmo deleite
Ou da mesma dor

.
Ricardo Kelmer 2017 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

Lugar de literatura é solta pela cidade – Com esses livretos, consigo que minha arte frequente as mesas dos bares, integrando-se à dinâmica boêmia da cidade e atraindo novos leitores

O dilema do escritor seboso – Certos escritores amadurecem cedo. Tenho inveja desses. Porque nunca viverão o constrangimento de não se reconhecerem em suas primeiras obras

O encontrão marcado – Fechei o livro, fui até a janela e olhei pro mundo lá fora. E disse baixinho, com a leveza que só as grandes revelações permitem: tenho que ser escritor

Pesadelos do além – O pior pesadelo para um escritor é ser psicografado. Ou melhor: ser mal psicografado

Meu fantasma predileto – Diziam que era a alma de alguém que fora escritor e que se aproveitava do ambiente literário de meu quarto para reviver antigos prazeres mundanos

Kelmer no Toma Lá Dá Cá – Aqueles aloprados moradores do condomínio Jambalaya descobriram meu livro maldito

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- Parabéns Mestre! Léo de Oliveira, Fortaleza-CE – jul2017

02- Perfeito! Taís Krugmann, Campo Grande-MS – jul2017

03- Escrever como quem cava um buraco
Sete palmos.
O primeiro vai para o esgoto que era rio dentro de cada um.
O segundo vai para o mundo que lhe culpa pelo não encarceramento privado.
O terceiro, vamos lá, palmo a palmo:
O bote de quem não se sustenta.
O desespero convivendo com a mão firme
E os dedos que tecem aranhas.
Quarto: o sono que não veio.
Transtorno em imagens o que não consigo reter em palavras.
Quinto dos infernos. Que tudo vá.
A poesia do sexto sem sentido vende menos que textinhos de amor.
Meu nome, além de não ser Antônio, tem gosto de porra seca.
Sétimo, é o último:
Se lhe falta o cabo, escreve com gilete ensaboada.
O rito do fim é só mais um soco na ponta da faca.
Joao Martins, Fortaleza-CE – jul2017

04- Parabéns querido escritor! A leitorinha aqui agradece os teus deleites, delírios, loucuras, sentimentos… expressos em forma de palavras escritas. ❤ Renata Kelly, Fortaleza-CE – jul2017

05- Eita Cearense fera, bj Kelmer. Veronica Lopes, São Paulo-SP – jul2017

06- Parabéns a todos os Escritores Como diz Patativa do Assaré é melhor escrever errado a verdade do que o certo falando mentira Então olha a escritores Patativa falou isso. Angela Belchior, Fortaleza-CE – jul2017

> Postagem no Facebook (perfil pessoal)


Ao meu velho amigo Paulo Marcio

05/04/2017

05abr2017

Então fizemos uma aposta. Qual dos três conseguiria resistir mais tempo ao casamento?

AO MEU VELHO AMIGO PAULO MARCIO

.

Paulo Marcio, nossa amizade tem 42 anos, olhassó
Amigos sobreviventes assim, coisa rara, né não?
Unidos por um amor de companheiro, sempre
Lembro de tanta coisa agora…
O Rock in Rio de 85, eu na enfermaria, tu rindo da minha lombra
Momentos mágicos no Bigode, Sal Doce, Badauê, Café, Opção
Aquela noite em que fui ao teu apê chorar por uma ingrata
Raparigas fulerages nas Belas da Tarde, nós fomos com orgulho
Cara, fiz até uma música pra tocar no teu enterro, ahahah!
Incrível como continuamos os mesmos merdas de sempre
Ordinários, bebuns, ridículos, tudo que não presta. Que bom!

> Ao meu velhíssimo amigo Paulo Marcio, meu Ratito Sensação, que aniversaria hoje, 05abr.
.

Ricardo Kelmer 2017 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

Ser mulher não é pra qualquer um – É dada a saída, lá se vai o trenzinho. Num vagão as Belas, abalando nos modelitos, no outro as Madrinhas, abalando com o isopor e o estojinho de primeiro-socorro

A celebração da putchéuris – A história fuleragem da Intocáveis Putz Band

Roque Santeiro, o meu bar do coração – Uma homenagem ao bar Roque Santeiro

Breg Brothers com fígado acebolado – Encher a cara, curtir dor de cotovelo e brindar a todas as vezes em que fomos cornos…

A pouca vergonha do escritor peladão – Foi minha vizinha louca de Botafogo, a Brigite, quem me deu a ideia: Por que você não faz um ensaio fotográfico peladão pra comemorar seus 40 anos?

O dia em que morri no Rock in Rio – O primeiro baseado que fumei daria um filme. Um não, vários

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01 COMENTÁRIOS
.

01-


Luiz Carlos Ruas, um herói

27/12/2016

27dez2016

Homenagem a um homem que morreu por ousar defender uma travesti

luizcarlosruasambulante-01a

LUIZ CARLOS RUAS, UM HERÓI

.
Amou daquela vez como se fosse a última
Defendendo travesti do ódio homofóbico
Dos monstros que matam pela lei do bíceps
Espancaram um senhor em frente às câmeras
E a segurança do metrô em sua ausência cúmplice
Pagou com a própria vida por amar o próximo
E amargou nosso Natal com sua morte pública
Era só um ambulante que enfeiava o trânsito
Hoje é um negro pobre em manchete efêmera
Mas o crime será comemorado em júbilo
Pelos que apoiam medidas profiláticas
Para limpar a cidade desses não fotogênicos
Que envergonham nossos melhores índices
Que lutam por cotas, vejam que ridículo
Que vendem prazer em seu corpo herético
Que estragam o passeio com as suas pústulas
Morreu na contramão de uma cultura bélica.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

> MAIS POEMAS

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

01- teu texto é um belíssimo retrato de uma realidade horrenda, meu querido. Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – dez2016

02- Lamentável. Marcinha Rodrigues, Fortaleza-CE – dez2016

03- Terrível e lamentável…. Susana X Mota, Leiria-Portugal – dez2016

04- 1500 – 2016. Rogers Tabosa, Fortaleza-CE – dez2016

05- Qual a pena para esse crime? Será que vai aparecer um advogado “pago” para defende-los? Os 2 são vítimas da sociedade? Aderbal Nogueira, Fortaleza-CE – dez2016

06- Nossa poesia se faz necessária. Triste realidade narcisista. O indivíduo individual. Agora vão carregar o carma de uma morte! Gosto muito de seu pensar transcrito em palavras!!! Sandra Samm, Fortaleza-CE – dez2016

07- Um filme tão comum….Incomum é a lei se preocupar com isso. Darc Maia, São Paulo-SP – dez2016

08- Ah quanto dor nós humanos causamos. Fátima Abreu, Fortaleza-CE – dez2016

09- Medieval. Moacir Bedê, Fortaleza-CE – dez2016

10- Rapaz, a ruma de gente olhando! Cecília Bedê, Fortaleza-CE – dez2016

11- Meu Deus e ninguem fez nada??? Anna Bracaiol – dez2016

12- Moacir Bedê definiu muito bem em apenas uma palavra! Discordo quando dizem que o mundo ta perdido, pior de se viver. Se compararmos com tempos antigos havia uma muito maior banalização da vida! Hoje as pessoas têm muito mais direitos, animais tem seus direitos! Há uma muito maior preocupação com o outro, a solidariedade é muito maior. Claro que ainda há casos absurdos de violação de direitos, de banalização da vida, são os malucos que ainda não conseguiram sair da idade média – como disse Bedê. Esses casos geram revolta em muita gente de bem, isso porque hoje existem muito mais pessoas de bem que antes. Há muito mais pessoas de bem que malucos como esses! O mundo esta sim evoluindo e as pessoas se afinando, embora uns estejam demorando mais a entender a verdadeira essência da vida. Marcio Andre, Fortaleza-CE – dez2016

13- Muito triste ainda presenciarmos estas realidades. Que não nos acostumemos nunca com isto… Aline Cerqueira, Fortaleza-CE – dez2016

14- Aterrorizante essa banalização da vida!!! Essa bestialidade tá ficando fora de controle. É preciso cuidar da Alma!!! 😦 Kitah Soares Vitoriosa, Fortaleza-CE – dez2016

15- Tudo na contramão …. Cecilia Eckmann Oliveira, Fortaleza-CE – dez2016

16- Triste! Celina Bezerra, Fortaleza-CE – dez2016

17- Triste realidade. Pior q aqui no brasil, o que vale é o dinheiro, pagou fiança, está solto. Um crime desse, era no minimo, 30 anos na cadeia. N sair nem por bom comportamento… Que a alma desse senhor, esteja em um bom lugar… Kel Silva, Salvador-BA – dez2016

18- Absurdo o que se tornou a humanidade. Valeska Pequeno, Fortaleza-CE – dez2016

19- “Só” mais outro “índio” massacrado publicamente? 😢😢😢😢😢 Ivonesete Zete, Fortaleza-CE – dez2016

20- Há que se temer, esses tempos sombrios. Mau gosto, preconceito, intolerância, intransigência, desrespeito e principalmente violência. A partir do impeachment da Dilma, a tendência é piorar.
Joaquim Ernesto, Fortaleza-CE – dez2016

21- Mais um ponto para a nossa distorcida o̸l̸i̸g̸a̸r̸q̸u̸i̸a̸ “meritocracia” branca-burguesa-homofóbica, mas pode chamar de neonazi. Temos muito o que Temer. Lázaro Freire, São Paulo-SP – dez2016

22- Sobre seu texto: 👏👏👏👏 Andrea Ramos Nogueira, Fortaleza-CE – dez2016

23- Foi horrivel.Que maldade. Vilma de Oliveira, Fortaleza-CE – dez2016

24- O Luís Carlos , um verdadeiro herói , ambulante que deu a vida pra defender duas travestis de dois homofóbicos, antes de ontem no metrô de São Paulo. Maria Carvalho, Santo André-SP – dez2016

25- Muito bom!! Pedro Machado, Fortaleza-CE – dez2016

26- Para sempre, os miseráveis!!! Mariza Luz Moura, São Sebastião-SP – dez2016

27- Não consegui ver o vídeo. Um horror! 😪😱 Ana Lucia Castelo, Nova York – dez2016

RK: Os assassinos deram claramente seu recado: Quem defende travesti, morre. (dez2016)

28- Passei mal com tamanha monstruosidade. Sara Rebeca CLima, Fortaleza-CE – dez2016

29- Homofobia mata. Nagia Costa, Fortaleza-CE – dez2016

30- degradante!! Márcia Matos, Fortaleza-CE – dez2016

31- Com os devidos pêsames aos parentes e amigos do Luis Carlos, mas gostaria de sugerir ao Kelmer um outro texto, outro foco. Quem são essas pessoas que andam cometendo crimes dessa natureza? Alguém os protege? A Lei está sendo branda com esses movimentos? Por que a mídia em geral não se aprofunda sobre o assunto? André Marinho Marinho, Fortaleza-CE – dez2016

32- “O mundo está o contrário e ninguém reparou…” Lílian Martins, Fortaleza-CE – dez2016

33- Belíssima homenagem. Que seja bastante compartilhada. Vitor Casimiro, Fortaleza-CE – dez2016

34- Mundo estranhíssimo mundo. Carlinhos Perdigão, Fortaleza-CE – dez2016

35- Isso me faz tremer por dentro. Dhara Bastos, Fortaleza-CE – dez2016

36- 👏👏👏 Vania Lima, São Paulo-SP – dez2016

37- 👏👏👏 Edna Mello, Fortaleza-CE – dez2016

38- No que diz respeito a esses dois criminosos transfigurados de bons moços e em momentos de extravasamento de suas fúrias, me atrevo a dizer: Nada mais e nada menos que um reflexo do interior e mentalidade de boa parte dos doentes que se acham os bons, melhores, sãos, invencíveis, mais fortes, valentes, bravos, corajosos, puros, limpos, perfeitos, superiores e por fim, o modelo de humano e cidadão brasileiro. O ser superior brasileiro! E são esses dois seres que estão ai representando e muito o sistema político, jurídico e ideológico não só do Brasil, mas do sistema do mundo como um todo, governado e controlado por uma minoria altamente violenta e sem escrúpulos algum, pois, até as leis são geridas, controladas e aplicadas por eles e sobre os seus produtos/seres construídos socialmente no seio das sociedades mundiais, como esse fato aqui em discussão. Enfim, os dois indivíduos, criminosos e perigosos ai em tela, cedo cedo estarão andando por ai e exalando o ar da prepotência dos seus atos e a virilidade de sua brutal e violenta capacidade de ser e fazer no meio dos humanos. Náufrago Mbd, Rio de Janeiro-RJ – dez2016

39- Desconstrução. Jorge Nagao, São Paulo-SP – dez2016

40- Sim. Um herói. Veronica Guedes, Fortaleza-CE – dez2016

41- Esses tipinhos de academia vemos toda hora nas ruas, gente muito vazia e não falta companhia p/ eles, estão sempre rodeados de gente mais vazia ainda! Mulheres não lhes falta, não faltam as mães achando eles lindos! Pais orgulhosos pq são ou parecem machos, assim fica difícil fazer com que eles não vejam o lixo humano que são, esses sim são vítimas da sociedade! São a cara da degradação humana e sinceramente, em qualquer lugar do mundo a injustiça está invadindo ruas e lares, a falta de bom censo não é um defeito brasileiro, é mundial! E isso me deixa sufocada pq um dia pensei em fugir, mas p/ onde? Marie Mariezinha, Fortaleza-CE – dez2016

42- Falta de Deus, oração nesse mundo vai. Tina Holanda, Fortaleza-CE – dez2016

43- Não existem palavras que possam descrever uma barbaridade destas. Torna-se mais grave se levarmos em conta que estamos no século XXI, cheios de informação, de liberdade de expressão, de definição de direitos e deveres, no entanto ainda, e talvez nem ainda, mas agora, surgem criminosos ignorantes e cruéis, movidos pelos mais torpes motivos. Um crime hediondo! Ligia Eloy, Lisboa-Portugal – dez2016

44- Dois monstros…Sem amor próprio. Sandroka Cavalcante, São Paulo-SP – dez2016

45- Lugar de monstros é na cadeia…mas sem saidinhas ou condicional …..merecia perpétua com trabalho forçado para pagar a estadia na prisão e a gente de bem não ter que bancar assassinos monstros racistas. Welia Pinho Ferraro, Fortaleza-CE – dez2016

46- tinham que linxar esses dois fdp na cadeia. Marco Antonio Françozo, Três Corações-MG – dez2016

47- Muito triste. Tânia Mary, Fortaleza-CE – dez2016

RK: Discordo de quem defende que os assassinos sejam linchados ou mortos na cadeia. Defender isso seria igualar-se em crueldade a eles. Que sejam presos e paguem pelo que fizeram, dentro da lei. E discordo de quem diz que o crime é resultado da falta de Deus. Parte da culpa desses crimes hediondos é dos líderes religiosos que em suas pregações demonizam minorias como homossexuais e travestis e envenenam de ódio a mente dos fiéis, e de políticos que tentam impor a todos as leis de seus deuses racistas, misóginos e homofóbicos. O problema não é ausência de Deus, é ausência de valores morais ligados à aceitação do diferente, e isso nada tem a ver com religião. (dez2016)

48- O quê mais me aborrece em tudo isso, é o advogado defensor daqueles monstros. Tentar explicar o inexplicável… Selma Ferreira, Goiânia-GO – dez2016

49- Isso foi um dos milhares assassinados. Milza Gama, Fortaleza-CE – dez2016

50- Esse sim,foi um verdadeiro cristão,deu a vida pelo próximo. Andréa Damasceno, Fortaleza-CE – dez2016

51- Triste demais!!!! Desolador! Desesperador!!! Fabíola Líper, Fortaleza-CE – dez2016

52- Muito triste 😭 e mais ainda, pois a justiça brasileira vai já já absorver. Socorro Alves, Fortaleza-CE – dez2016

53- Tristes tempos… Kelzen Herbet, Fortaleza-CE – dez2016

54- Então vamos fazer nossa parte. Serão assassinos até o último dia de suas existências. Vamos relembrar este assassinato a cada aniversário de nascimento de cada um deles e da vítima. E lembrar também do dia que mataram um ser humano por puro prazer. Marcus Monteiro, Fortaleza-CE – dez2016

55- Luiz. Sua alma é só luz. Celsinho Lemos, São Paulo-SP – dez2016

56- Não são homens os assassinos de Luiz Carlos Ruas, o Índio. São vermes. Vermes. Su da Silva Rosa, São Paulo-SP – dez2016

57- Um herói. Felipe Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

58- Triste realidade. Pior que aqui no brasil, o que vale é o dinheiro, pagou fiança, está solto. Um crime desse, era no mínimo 30 anos na cadeia. Não sair nem por bom comportamento… Que a alma desse senhor, esteja em um bom lugar. Ferlany Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

59- Um absurdo tanta violencia gratuita, esses caras são uns montros eu com 14 anos fui perseguida por um grupo desses insanos por pouco não nos pegaram, so por Deus viver nesse mundo com tanta violêcia e covardia. Isabel Souza Santos, São Paulo-SP – dez2016

60- Morreu e alguns não se importam. Faz parte dos heróis anônimos, guerreiros do dia a dia. Daqui três dias sairá seu gesto das páginas. Será um número percentual. Fará parte das estatísticas que aumentam cada vez mais, enquanto o Ministério Golpista da Justiça, guardião do PCC, tenta endurecer contra os fumadores de maconha. Triste Brasil… Raul Meneleu Mascarenhas, Caiçara do Rio do Vento-RN – dez2016

61- Essa foi uma das piores notícias que eu ja vi na vida ainda mais em dia de Natal. S;ave Herói. ONDE ESTA A SEGURANCA DO METRO? que cobra tao cara uma passagem e permite que aconteça uma atrocidade dessas? Patricia Romiti, São Paulo-SP – dez2016

62- Em que mundo estamos vivendo? Indignada com tanta violência! Deysa Di Morais, São Paulo-SP – dez2016

63- Pois é…não conseguem admitir seus próprios impulsos…seus desejos, que são insuportáveis para eles, não conseguem ter a coragem desse travesti…..se transformam nesses monstros assassinos!…tristeza!… Lorena Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

> Postagem no Facebook


Dadivosa dançarina

19/09/2016

19set2016

A nua silhueta que a cortina revela move-se em sinuosa dança, e a cortina balança ao ritmo dela

dadivosadancarina-04

DADIVOSA DANÇARINA

.
À noite, em seu quarto, a menina se despe
E na janela se oferece para a rua
A nua silhueta que a cortina revela
Move-se em sinuosa dança
E a cortina balança ao ritmo dela
De vinho ela se serve
E a taça beija de leve seus lábios
Ela é a ébria rosa que se abre
No jardim dos urbanos fetiches
É a delícia que a noite promete
Aos discretos e insones vícios…
Quando ela termina, a luz se apaga
Vai-se a silhueta semovente
A janela escura não mente: foi-se a menina
Deixando no ar sua lânguida lembrança
E a esperança de que logo retorne
Não se demore, dadivosa dançarina

.

FORMATO PROSA POÉTICA

DadivosaDancarina-04aÀ noite, em seu quarto, a menina se despe, e na janela se oferece para a rua. A nua silhueta que a cortina revela move-se em sinuosa dança, e a cortina balança ao ritmo dela. De vinho ela se serve. E a taça beija de leve seus lábios. Ela é a ébria rosa que se abre no jardim dos urbanos fetiches. É a delícia que a noite promete aos discretos e insones vícios… Quando ela termina, a luz se apaga, vai-se a silhueta semovente. A janela escura não mente: foi-se a menina, deixando no ar sua lânguida lembrança e a esperança de que logo retorne. Não se demore, dadivosa dançarina.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.
.

VersosSafadinhosCapa-06aEste poema integra o livro Versos Safadinhos para Noites Românticas ou Vice-versa. E eu o ofereço a todas as mulheres que dançam nuas nas janelas dos apartamentos.

.

.

.

.

.

MAIS SOBRE O FEMININO LIVRE

InspiracionEssaVadia-02Inspiración, essa vadia – E não adianta argumentar, seu signo é a urgência. Desejo não é coisa que se adie, ela sempre diz

A mulher selvagem – Ela anda enjaulada, é verdade. Mas continua viva na alma das mulheres

A mulher livre e eu – A liberdade dessa mulher reluz no seu jeito de ser o que é – e ela é o que todas as outras dizem ou buscam ser, mas só dizem e buscam, enquanto ela tranquilamente… é

Em busca da mulher selvagem – Era por ela que eu sempre me apaixonava, essa mulher que era quem ela mesma desejava ser e não a mulher que a família, religião e sociedade impunham que ela fosse

Amor em liberdade – O que você ama no outro? A pessoa em si? Ou o fato dela ser sua propriedade? E como pode saber que ela é só sua?

As fogueiras de Beltane – As fogueiras estão acesas, a filha da Deusa está pronta. O casamento sagrado vai começar

Medo de mulher – A mulher é um imenso mistério, que o homem jamais alcançará

Alma una – Eu faço amor com a Terra / Sou a amante eterna / Do fogo, da água e do ar / Sou irmã de tudo que vive / Ninfa que brinca com a vida / Alma una com tudo que há

Quem tem medo do desejo feminino? (1) – A maternidade, a castidade e a mansidão de Nossa Senhora como bom exemplo, e a força, a independência e a liberdade sexual da puta como exemplo contrário, a ser jamais seguido

.
DICAS DE LIVROS

vtcapa21x308-01Vocês Terráqueas – Seduções e perdições do feminino
Ricardo Kelmer – contos e crônicas

Ciganas, lolitas, santas, prostitutas, espiãs, sacerdotisas pagãs, entidades do além, mulheres selvagens – em todas as personagens, o reflexo do olhar masculino fascinado, amedrontado, seduzido… Em cada história, o brilho numinoso dos arquétipos femininos que fazem da mulher um ícone eterno de beleza, sensualidade, mistério… e inspiração.

Mulheres que correm com os lobos – Mitos e histórias do arquétipo da mulher selvagem (Clarissa Pinkola Estés –  Editora Rocco, 1994)

A prostituta sagrada – A face eterna do feminino (Nancy Qualls-Corbert – Editora Paulus, 1990)

As brumas de Avalon (Marion Zimmer Bradley – Editora Imago, 1979)

Mulheres na jornada do herói (Beatriz Del Picchia e Cristina Balieiro – Editora Ágora, 2010) – É ainda mais interessante ver o relato das mulheres pois elas sempre foram, mais que os homens, historicamente reprimidas na busca pela essência mais legítima de suas vidas

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
(saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- Muito bom! Janine Moreira, Rio de Janeiro-RJ – out2017

02- Nossa,quantos sabores, quanta sinfonia em poucas palavras! Sempre incrível ! Estava com saudades de saborear seu conteúdo!Blessed be! Kroll Ribeiro, Araraquera-SP – out2017

03- Lindo! Vilma de Oliveira, Lourinhã-Portugal – out2017


Sexo tinto

08/08/2016

08ago2016

Palmas para a musa dos inebriados, que dança para as nossas almas e nos entorpece com seus rodopios

SexoTinto-01

SEXO TINTO

.
Pelos becos dessas noites baldias
É o seu cheiro de urgência que nos guia
Vejam, é ela, a cigana generosa
Em seu vestido de cor de rosa no cio
Palmas para a musa dos inebriados
Que dança para as nossas almas
E nos entorpece com seus rodopios
Dama bendita dos ardentes desejos
Ela negocia beijos e sopra promessas
Rainha das tabernas, ela é de todos
Mas nunca será de um qualquer
Celebremos com ela, pois, a fantasia
E a livre poesia do instinto
Um brinde, amigos, ao sexo tinto
Dessa louca e linda mulher

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

> Este poema integra o livro Versos Safadinhos para Noites Românticas ou Vice-versa

> Mais poemas

.

.

MAIS SOBRE O FEMININO SELVAGEM

InspiracionEssaVadia-02Inspiración, essa vadia – E não adianta argumentar, seu signo é a urgência. Desejo não é coisa que se adie, ela sempre diz

A mulher selvagem – Ela anda enjaulada, é verdade. Mas continua viva na alma das mulheres

A mulher livre e eu – A liberdade dessa mulher reluz no seu jeito de ser o que é – e ela é o que todas as outras dizem ou buscam ser, mas só dizem e buscam, enquanto ela tranquilamente… é

Em busca da mulher selvagem – Era por ela que eu sempre me apaixonava, essa mulher que era quem ela mesma desejava ser e não a mulher que a família, religião e sociedade impunham que ela fosse

Amor em liberdade – O que você ama no outro? A pessoa em si? Ou o fato dela ser sua propriedade? E como pode saber que ela é só sua?

As fogueiras de Beltane – As fogueiras estão acesas, a filha da Deusa está pronta. O casamento sagrado vai começar

Medo de mulher – A mulher é um imenso mistério, que o homem jamais alcançará

Alma una – Eu faço amor com a Terra / Sou a amante eterna / Do fogo, da água e do ar / Sou irmã de tudo que vive / Ninfa que brinca com a vida / Alma una com tudo que há

Quem tem medo do desejo feminino? (1) – A maternidade, a castidade e a mansidão de Nossa Senhora como bom exemplo, e a força, a independência e a liberdade sexual da puta como exemplo contrário, a ser jamais seguido

.
DICAS DE LIVROS

vtcapa21x308-01Vocês Terráqueas – Seduções e perdições do feminino
Ricardo Kelmer – contos e crônicas

Ciganas, lolitas, santas, prostitutas, espiãs, sacerdotisas pagãs, entidades do além, mulheres selvagens – em todas as personagens, o reflexo do olhar masculino fascinado, amedrontado, seduzido… Em cada história, o brilho numinoso dos arquétipos femininos que fazem da mulher um ícone eterno de beleza, sensualidade, mistério… e inspiração.

Mulheres que correm com os lobos – Mitos e histórias do arquétipo da mulher selvagem (Clarissa Pinkola Estés –  Editora Rocco, 1994)

A prostituta sagrada – A face eterna do feminino (Nancy Qualls-Corbert – Editora Paulus, 1990)

As brumas de Avalon (Marion Zimmer Bradley – Editora Imago, 1979)

Mulheres na jornada do herói (Beatriz Del Picchia e Cristina Balieiro – Editora Ágora, 2010) – É ainda mais interessante ver o relato das mulheres pois elas sempre foram, mais que os homens, historicamente reprimidas na busca pela essência mais legítima de suas vidas

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.


%d blogueiros gostam disto: