Curso de Literatura Cearense

15/05/2020

15mai2020

Um patrimônio artístico-literário brasileiro que também é seu. Aproveite

CURSO DE LITERATURA CEARENSE

.
O Ceará é um estado que traz a marca de grandes histórias, muitas delas fincadas na imaginação e em papel e, injustificadamente, ainda pouco conhecidas do público em geral.

Neste curso básico de extensão, com inscrições abertas a todo o país e certificação pela Universidade Federal do Ceará (UFC), você conhecerá um pouco mais sobre a literatura aqui produzida, desde o século XIX à contemporaneidade, através de alguns de seus autores(as), grupos/agremiações literárias e obras referenciais, em consonância com os estudos da Literatura Brasileira, por meio de fascículos, videoaulas, podcasts e webconferências, material complementar da Biblioteca Virtual, e muito mais.

Aproprie-se desse patrimônio artístico-literário brasileiro que também é seu.

.
Ricardo Kelmer 2017 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

Lugar de literatura é solta pela cidade – Com esses livretos, consigo que minha arte frequente as mesas dos bares, integrando-se à dinâmica boêmia da cidade e atraindo novos leitores

O dilema do escritor seboso – Certos escritores amadurecem cedo. Tenho inveja desses. Porque nunca viverão o constrangimento de não se reconhecerem em suas primeiras obras

O encontrão marcado – Fechei o livro, fui até a janela e olhei pro mundo lá fora. E disse baixinho, com a leveza que só as grandes revelações permitem: tenho que ser escritor

Pesadelos do além – O pior pesadelo para um escritor é ser psicografado. Ou melhor: ser mal psicografado

Meu fantasma predileto – Diziam que era a alma de alguém que fora escritor e que se aproveitava do ambiente literário de meu quarto para reviver antigos prazeres mundanos

Kelmer no Toma Lá Dá Cá – Aqueles aloprados moradores do condomínio Jambalaya descobriram meu livro maldito

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01-

> Postagem no Facebook


Mar de gente, mar de amar

11/02/2020

11fev2020

A música do Simpatizo Fácil no pré-carnaval 2020

MAR DE GENTE, MAR DE AMAR

.
O carnaval chegou
Eu vou que vou me perder
Nesse mar de amor e alegria
Minha fantasia não tem opressão

Minha alma é da paixão
O meu corpo é da folia, meu bem
Pra censura eu digo não
Pro amor eu só digo vem

Vem, vem, vem, vem
É nesse mar de gente
Que a gente de repente vai se encontrar
Olha a onda do respeito
Cada um tem o seu jeito
Nesse lindo mar de amar

> composição de Calé Alencar e Ricardo Kelmer (2020)

 

.
Ricardo Kelmer 2020 –
blogdokelmer.com

.

> Simpatizo Fácil no Facebookfacebook.com/simpatizofacil

.

.CLIPE DE MAR DE GENTE, MAR DE AMAR
Com Calé Alencar e Os Transacionais
Imagens/montagem: Levy Mota

.
.

Diretoria do Simpatizo Fácil (Paulo Henrique Carvalho, Vaninha Vieira e Ricardo Kelmer)

.

.

CLIPE DE NAÇÃO NORDESTE, CAPITAL FOLIA
Arranjos e interpretação: Os Transacionais. Imagens/montagem: Levy Mota

.

NAÇÃO NORDESTE, CAPITAL FOLIA
Ao vivo, 12jan2019, no pré-carnaval do Simpatizo Fácil. Composição de Alan Morais e Ricardo Kelmer

.
.

SIMPATIZO FÁCIL
Música do Simpatizo Fácil 2018
Voz: Liliany Sá. Arranjos: Fábio Amaral (Fortaleza, jan2018). Composição de Joaquim Ernesto e Ricardo Kelmer

.

SIMPATIZO FÁCIL (ao vivo)
Banda Frevo Alucinação, no Floresta Brasil (Fortaleza, fev2018)

.

.

LEIA NESTE BLOG

Resistindo com alegria – Ocupar os espaços da cidade é reconquistá-la para seus devidos donos: o povo

.

.

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- Excelente… velho guerreiro Calé. Zezé Medeiros, Fortaleza-CE – fev2020

02- Muito massa, parabéns! Aulo Silvio Braz, Fortaleza-CE – fev2020

03- Parabéns meu amigo velho ou velho amigo. Muito boa a letra. Gostei muito. O que mais admiro é essa luta sua diaria pela cultura nesse pais tão rico e criativo, porém sem o minimo de reconhecimento à arte. Ainda mais agora com Bonzonazi no poder.Abraços, Boa sorte. Curta que ela é pra ser curtida. Leopoldo Felice Noschese, São Paulo-SP – fev2020

04- Dale Kilmito, ficou massa! André de Sena, Recife-PE – fev2020

05- gostei!!! Helga Lima, Rio de Janeiro-RJ – fev2020

06- ARRAZZZOOOUUU!!!!!! Rildete Ribeiro, Fortaleza-CE – fev2020

07- O melhor carnaval de Fortaleza….Parabéns aos organizadores: Vaninha, Kelmer e PH! A gente se diverte com segurança, musica de qualidade, gente bacana, comida top e bebida gelada. Alessandra Magna, Fortaleza-CE – fev2020

08- tá lindo!! Shirlene Holanda, Fortaleza-CE – fev2020

09- Pense num som arretado. Guto Bitu, Crato-CE – fev2020

10- 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼 Ta lindoooo. Magah Costa, Fortaleza-CE – fev2020

11- Que massa! Super lindo! Renata Luz, Fortaleza-CE – fev2020

12- SENSACIONAL. Moacir Bedê, Fortaleza-CE – fev2020

13- Massa! ja tem quantas? uma por ano né? Alan Morais, Fortaleza-CE – fev2020

RK: O Simpatizo já tem 3 músicas. A de 2018 fiz com Joaquim Ernesto, a de 2019 contigo e de 2020 com Calé Alencar. Só parceirim arretado 🙂

14- Massa demais. Fernando Piancó, Fortaleza-CE – fev2020

15- Massa!!! Show mesmo! João Felipe Matias, Fortaleza-CE – fev2020

16- Vou compartilhar no Facebook. Célia Sporrer, Fortaleza-CE – fev2020 

17- Deixar aqui .. meus parabéns .. foi .. muito amigos presentes , a festa foi maravilhosa as bandas estavam um espetáculo ! Vcs arrasaram. Michelle Firmeza, Fortaleza-CE – fev2020

18- gostei!!! Helga Lima Carlos, Rio de Janeiro-RJ – fev2020


Amor de bar

15/01/2020

15jan2020

Uma homenagem aos bares que amamos

.
AMOR DE BAR
.

Putz… Depois de ler todas essas crônicas, a vontade que me deu foi de ir em cada um dos amados bares que João e Alexandre tão bem homenagearam e tomar uma em cada um deles.

Uma ou duas, né, que às vezes só uma não dá tempo de sentir o ambiente e de se deixar levar por tudo que ele evoca, e olhe que tem bar que evoca até o passado que não se tem. Uma ou duas dúzias, sim, porque tem bar que, já na primeira sentada, ele mexe de um jeito esquisito na peçoa umana bebedora, você já percebeu?, poizé, parece que a pessoa já esteve ali antes, ou dali nunca saiu.

Helano, Tocantins, Disney Lanches… Qual é o segredo dos bares que amamos? Taí uma questão que pode render infinitas saideiras. Tem bar que nos seduz pela cerveja inacreditavelmente sempre gelada, o que não é pouca coisa. Ou por aquela transcendental moela ao molho que nos faz salivar um litro só de passar em frente. Às vezes, o segredo é a distância: dobrou duas esquinas, chegou no bar, e voltou duas esquinas, já tá em casa, o que permite beber o que se gastaria com o uber. Às vezes é o atendimento, aquela presteza infalível, aquela captação silenciosa e imediata dos nossos mais puros desejos, um milagre que se reedita a cada ida ao bar: “Seo Papito, me traga…” “Aquela farofa de ovo com sardinha, tomate e a cebola bem fritinha, é pra já.” “Eita, como é que o senhor sabe?”.

Bares são como amantes possessivos: quando nos damos conta, não conseguimos deixá-los, por pior que seja a relação. Veja a história de Micaela. Ela bebia havia anos no mesmo bar, mas o trocou por outro que abrira no outro lado da rua. Uma noite, bebendo com as amigas em seu novo bar predileto, Micaela olhou para o antigo amor e, percebendo vazias as mesas, foi tomada de um sentimento de culpa avassalador. A partir daí, viu-se obrigada a beber nos dois bares, na mesma noite, num ritual que fazia rir as amigas, que ficavam no segundo bar, aguardando que ela tomasse uma no primeiro, sozinha no balcão, trágica penitente etílica.

O Roque Santeiro, no Mucuripe, era uma bodega que dona Orestina e seo Moacir montaram na parte da frente de sua casa e que abria às cinco da manhã. Durante 20 anos, frequentei o Roque, pra ressuscitar da noitada com um caldo quentinho e depois tomar a saideira, que se replicava em outras saideiras até o meio-dia, ao som de Odair José, Núbia Lafayette e Roberto Carlos. Pois bem. Sempre que eu começava um novo caso, ia com a garota no Roque só pra saber a opinião de dona Orestina. Quando a garota ia ao banheiro, ela vinha e me dava seu veredicto: “Onde foi que tu arrumou essa matraca, ô menina pra falar!”, ou “Coitada, ela acha que te fisgou só por causa daqueles peitões…” Como você pode ver, além de ser a segunda casa, às vezes é no bar que conhecemos nossa segunda mãe.

Longa vida aos bares que amamos!

.

Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

.

Esta crônica foi escrita para o posfácio do livro Saideiras (Radiadora, 2020), de Alexandre Greco e João Ernesto, um livro de crônicas afetivas sobre alguns bares de Fortaleza, com edição e prefácio de Alan Mendonça e ilustrações de Jadiel Lima.

O livro é um convite por outros olhares a esses lugares que, quando forjados na arquitetura do encontro, são parte dos quintais dos homens, um bailado de trégua com a vida.
Alexandre e João passeiam pela geografia etílica de Fortaleza com a afetividade própria aos múltiplos, aos corações subversivos dos vagabundos, que perambulam imensamente compromissados com o inútil… e expõem as sutilezas do essencial das horas anteriores à obediência ao sol.

.

.

LEIA NESTE BLOG

Roque Santeiro, o meu bar do coração – Em Fortaleza tem um bar / Que é boteco companheiro / Não tem nada similar / Já pesquisei o mundo inteiro / Por isso escrevo essa carta / Pra matar a saudade ingrata / Do meu bom Roque Santeiro

30 anos de Badauê – Estamos vivos – Foi tudo lindo, em sua poesia de estrela cadente a colorir o céu da nossa inebriada juventude

Galinha ao molho conjugal – Então fizemos uma aposta. Qual dos três conseguiria resistir mais tempo ao casamento?

A celebração da putchéuris – A história fuleragem da Intocáveis Putz Band

Breg Brothers com fígado acebolado – Encher a cara, curtir dor de cotovelo e brindar a todas as vezes em que fomos cornos…

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

 Acesso aos Arquivos Secretos
Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer(arroba)gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer. (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

01- Muito bom, Ricardo Kelmer! Tayane Cristine, Campina Grande-PB – jan2014

02- Realmente um lugar pra ser feliz!!! Lucinha Simões, Fortaleza-CE – ago2014


30 anos de Badauê – Estamos vivos

26/05/2019

26mai2019

Foi tudo lindo, em sua poesia de estrela cadente a colorir o céu da nossa inebriada juventude

30 ANOS DE BADAUÊ – ESTAMOS VIVOS

.
Badauê era o nome do bar. Arquitetura rústica de carnaúba e tijolo aparente, varanda em L, teto de palha, e ao redor as árvores e o chão de areia coberto de pedrinhas. Ficava na Praia de Iracema, rua dos Potiguaras, 134. Os sócios éramos eu, Nelsinho Machado e Paulo Marcio, o trio mosqueteiro no frescor dos seus vinte e poucos anos. Era o ano 1988 de uma Fortaleza ainda não tão amedrontada, e existiam nas proximidades Estoril, Cais Bar, La Tratoria, Pirata, Ponte para o Céu, Zanzibar, a Gruta da Praia do seo Zairton e mais um ou outro bar que não lembro agora.

O terreno, do tio do Nelsinho, só tinha árvores e muito mato e lixo. Limpamos tudo e construímos do zero, e em troca da benfeitoria fomos dispensados do aluguel. A cada mês, catávamos nossas singelas economias e subíamos mais um metro de parede, comprávamos uma privada, um fogão usado… Na folga do vigia, nós dormíamos lá, nos revezando. Pra ajudar nas finanças, compramos um refrigerador e no sábado enchíamos de cerveja e chamávamos os amigos pra ir beber lá, sentado no chão mesmo, tocando um blues no violão, rodinha de fumo, essas coisas boas da vida. Com o apurado, mais um metro de parede, um jogo de mesa e cadeiras, o aparelho de som…

Nove meses depois, julho de 1988, a inauguração, com show do Trio Guarani. A partir daí, foram noites e noites de bar lotado, shows inesquecíveis, as amizades brotando no tilintar dos copos, os amores borbulhando no fervor das possibilidades… No show da banda Os Necessários, era tanta gente que vendemos ingresso até pro galho da mangueira. Os garçons, quem eram no início? Eram elas, nossas deslumbrantes namoradas, e as danadas recebiam tanta gorjeta que até nos emprestavam dinheiro. Ao findar das longas noites, subíamos pro mezanino e lá dormíamos, exaustos de felicidade, sem consciência do brilho fugaz daqueles dias eternos.

Como o mezanino também servia pra resolver certas urgências que nos possuíam no meio da madrugada, as nossas e as dos chegados, apelidaram-no Badauê Love. E como a escada ficava encostada à parede externa, todo mundo via quem subia e quem descia de lá, e as almas bondosas até ajudavam as moças a chegar lá em cima, e embaixo o povo moleque aplaudindo o heroico esforço da necessitada. Era uma festa. E tinha a famosa lenda da caixa dágua, que ficava no mezanino: corria o boato de que fazíamos dela piscina, nós todos lá, degustando vinho com Pink Floyd, chafurdando na água com a qual eram lavados os copos. Não nego e nem confirmo. E se me pressionarem, conto os podres de todo mundo, viu?

Se ganhamos dinheiro? Dinheiro era o de menos naquela intensa celebração da vida sem hora pra acabar. Pra você ter uma ideia, várias vezes levamos os últimos clientes resistentes pra tomar café da manhã… onde? No Esplanada, um hotel 5 estrelas da Beira-mar, nós, os milionários moços lindos do Badauê, pagando tudo. Como que junta dinheiro assim?

O bar durou o piscar de olhos de dez meses. Fechamos por imaturidade na condução de nossas discordâncias e porque estava difícil conviver com a vizinhança. Melhor assim. Durasse mais tempo e não viveríamos pra contar a história. Mas foi tudo lindo, em sua poesia de estrela cadente a colorir o céu da nossa inebriada juventude. E agora, em 2018, comemoramos 30 anos de Badauê. Infelizmente, alguns amigos queridos que lá beberam e amaram já se foram. Mas nós sobrevivemos. Brindemos, a eles e a nós!

Você tem fotos, vídeos ou lembranças desse tempo? Divide com a gente, vai. Afinal, se o passado é a areia que já escorreu na ampulheta, é essa mesma areia que hoje faz o chão do que somos e nos dá a certeza de que, sim, nós vivemos, e vivemos deveras, e tudo valeu a pena.

.
Ricardo Kelmer 2018 – blogdokelmer.com

.

.

Com minha mana Luce, a caixa do Badauê, no Sobrevivi 2018 (Cantinho do Frango, Fortaleza, dez2018). Detalhe: à época, em 1988, ela era menor de idade e aceitou receber o pagamento em cerveja.

.

MAIS SOBRE O BADAUÊ

Galinha ao molho conjugal – Então fizemos uma aposta. Qual dos três conseguiria resistir mais tempo ao casamento?

.

.

.

.

LEIA NESTE BLOG

Ser mulher não é pra qualquer um – É dada a saída, lá se vai o trenzinho. Num vagão as Belas, abalando nos modelitos, no outro as Madrinhas, abalando com o isopor e o estojinho de primeiro-socorro

A celebração da putchéuris – A história fuleragem da Intocáveis Putz Band

Roque Santeiro, o meu bar do coração – Uma homenagem ao bar Roque Santeiro

Breg Brothers com fígado acebolado – Encher a cara, curtir dor de cotovelo e brindar a todas as vezes em que fomos cornos…

A pouca vergonha do escritor peladão – Foi minha vizinha louca de Botafogo, a Brigite, quem me deu a ideia: Por que você não faz um ensaio fotográfico peladão pra comemorar seus 40 anos?

O dia em que morri no Rock in Rio – O primeiro baseado que fumei daria um filme. Um não, vários

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01 COMENTÁRIOS

.

01-


Nação Nordeste, capital Folia

29/01/2019

29jan2019

Simpatizar é resistir! – A nova música do Simpatizo Fácil

NAÇÃO NORDESTE, CAPITAL FOLIA

.
Aquele beijo que tu me deste

Fez do meu coração, alegria
Cabrocha, cabrita, cabra da peste
Ai, eu me acabo em poesia
Nação Nordeste, capital Folia

Eu sou da terra maravilha
Onde o sol brilha em cada ser
O amor só quer uma chuvinha pra nascer

Nordestino eu sou
Mesmo na dor, não esqueço de rir
Sou do Nordeste, sou mais aqui
Simpatizar é resistir

> composição de Ricardo Kelmer e Alan Morais (2018)

.
Ricardo Kelmer 2019 –
blogdokelmer.com

.

> Simpatizo Fácil no Facebookfacebook.com/simpatizofacil

.

.

CLIPE DE NAÇÃO NORDESTE, CAPITAL FOLIA
Arranjos e interpretação: Os Transacionais. Imagens/montagem: Levy Mota
Estúdio Som do Mar, Fortaleza, jan2019

.

NAÇÃO NORDESTE, CAPITAL FOLIA
Ao vivo, 12jan2019, no pré-carnaval do Simpatizo Fácil

.

.No estúdio com Os Transacionais

.

Os Transacionais no pré-carnaval do Simpatizo Fácil, jan2019

.

Meu parceirim Alan Morais, coautor de “Nação Nordeste, capital Folia”

.

Camisetas do Simpatizo Fácil 2019. Desenho: Elinaudo Barbosa

.

Diretoria do Simpatizo Fácil
(Paulo Henrique Carvalho, Vânia Vieira e Ricardo Kelmer)

.

.

SIMPATIZO FÁCIL
Música do Simpatizo Fácil 2018
Voz: Liliany Sá. Arranjos: Fábio Amaral (Fortaleza, jan2018)
Composição de Joaquim Ernesto e Ricardo Kelmer

.

SIMPATIZO FÁCIL (ao vivo)
Banda Frevo Alucinação, no Floresta Brasil (Fortaleza, fev2018)

.

.

LEIA NESTE BLOG

Resistindo com alegria – Ocupar os espaços da cidade é reconquistá-la para seus devidos donos: o povo

.

.

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- 


A Copa sem espírito

14/06/2018

14jun2018

Tá difícil entrar no clima da Copa no país do golpe

A COPA SEM ESPÍRITO

.
A Copa do Mundo 2018 vai começar, e aqui, no Brasil do golpe, nadinha do espírito da Copa aparecer.

A seleção está jogando um bom futebol, mas o maremoto de lama da corruptíssima CBF respingam forte sobre a canarinha. E a camiseta verde e amarela, coitada, ficou tristemente associada às manifestações Fora Dilma e aos movimentos de direita, que fingiam protestar contra a corrupção mas só queriam mesmo tirar o PT do poder, ainda que a situação do país piorasse, como de fato piorou.

Para completar, esses craques-ostentação, milionários, cheios de pose e preocupados mais com o corte do cabelo do que com as nossas urgentes questões sociais, não nos representam nem cativam. Ô saudade do Sócrates!

Eu, pela primeira vez, estou desmotivado para torcer pela seleção. Espero que ela consiga me empolgar. Verei os jogos, sim, mas com minha camiseta É Goooooolllpppeee no Brasil!. E seria ótimo se nos estádios russos aparecessem manifestações da torcida brasileira a denunciar esse golpe nefasto que sangrou nossa democracia. Esse gol eu comemoraria. Com certa tristeza, mas comemoraria.

.
Ricardo Kelmer 2018 –
blogdokelmer.com

.

A CAMISETA OFICIAL DA COPA 2018

A camiseta É GOOOOOOLLLPPPEEE NO BRASIL!!!, que foi criada por mim em abr2017 e comercializada pelo bloco Simpatizo Fácil, de Fortaleza, ganhou projeção nacional e surgiram imitações de vários tipos. A frase É GOOOOOOLLLPPPEEE NO BRASIL!!! virou o grito oficial dos que denunciam o golpe que sangrou a democracia brasileira. Conheça sua história, as imitações e curiosidades:

> A camiseta da Copa e das Eleições 

> Simpatizo Fácil no Facebookfacebook.com/simpatizofacil

.

.

LEIA NESTE BLOG

Resistindo com arte e alegria – Ocupar os espaços da cidade é reconquistá-la para seus devidos donos: o povo

Sobre lutas, sonhos e a grande farsa – Para quem ainda não percebeu, é isso mesmo o que todos somos, meros atores no grande teatro da existência

Golpe de mestre à brasileira – O processo seria custoso e traumático, e provocaria séria desestabilização na democracia, mas melhor isso que suportar mais um governo de esquerda no Brasil

O socialista crucificado – Se esses cristãos vivessem naquela época, teriam batido panela contra o bandido Jesus e aplaudido sua crucificação

A foto repugnante e o sonho que não pode ser preso – A foto que resume a baixeza moral dos fascistas que querem a morte de Lula

O protesto da babá negra – Talvez ela saiba que quando um governo tem como objetivo a equidade social e a redistribuição da riqueza do país, automaticamente atrai o ódio das elites econômicas, que lutarão para manter seus privilégios

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- 


A camiseta da Copa e das Eleições

26/05/2018

26mai2018

Uma camiseta que une bom humor e denúncia política nos tempos de golpe

Camiseta Golpe no Brasil COMP Turma 4.jpg

A CAMISETA DA COPA E DAS ELEIÇÕES

.
A ideia me veio no começo do ano: criar uma camiseta especial para a Copa do Mundo. Sim, pois eu não me sentiria à vontade em usar a camisa da seleção, com a logomarca da supercorrupta CBF, que se tornou símbolo dos paneleiros de direita em suas manifestações Fora Dilma.

Primeiramente, pensei numa assim: a camiseta amarela com foto do Maradona abraçado ao Lula, e os dizeres “Maradona es mejor que Pelé”. Sim, bem provocativa mesmo. Provavelmente, eu apanharia na primeira esquina.

Acabei optando por outra ideia: “É GOOOOOOLLLPPPEEE NO BRASIL!!!”, uma frase dividida em sete linhas, com o letreiro na estampa sugerindo, no início da leitura, um grito de comemoração de gol, mas que se transforma em um brado de denúncia política ‒ uma bem humorada pegadinha visual. Esta me pareceu melhor. Meus sócios no bloco Simpatizo Fácil concordaram em comercializá-la, aprimoramos o desenho original e começamos a divulgar. Alguns amigos sugeriram que, além da amarela e da azul, fizéssemos também na cor vermelha, porque a democracia também sangra. E assim foi.

O resultado é que a camiseta é um sucesso de público e de crítica (com exceção dos paneleiros, claro). As postagens na internet foram compartilhadas aos milhares e recebemos centenas de pedidos de vários estados do país, e até do exterior. Foram feitas imitações em várias cidades, inclusive em Fortaleza. Fico gratificado que minha ideia esteja sendo usada para divulgarmos esse golpe nefasto que assola nosso país. Aliás, apesar da camiseta ter sido criada para a Copa, ela poderá também ser útil nas Eleições.

Uma curiosidade. Do total de compradores da nossa camiseta, 73% são mulheres. Mesmo considerando que algumas tenham comprado para a família e amigos, o percentual é bastante significativo. Seriam elas mais conscientes que os homens da situação política de seu país? Ah, sabe aquela tal camiseta do Maradona? Nós fizemos também. Nela, o craque argentino, admirador declarado do presidente Lula, exibe uma camiseta com o rosto de Lula e os dizeres “Lula Livre”, e embaixo a frase “Maradona Es Mejor que Pelé”. Folclore futebolístico e ativismo político.

Caso você deseje conhecer e adquirir a camiseta É Golpe no Brasil!, a original, as vendas são feitas pela página do Simpatizo Fácil: facebook.com/simpatizofacil.

.
Ricardo Kelmer 2018 –
blogdokelmer.com

.

PRIMEIRAS POSTAGENS DA CAMISETA
para quem tiver dúvidas sobre a autoria da ideia
Facebook, 12.04.18

Camiseta Golpe no Brasil amarela e azul 01> na página do Simpatizo Fácil

> em meu perfil pessoal

.

.

.

FALARAM POR AÍ

Blog do Jocélio – Jornal O Povo, 22.05.18

Folha de São Paulo – 17.06.18

Diário do Centro do Mundo – Na Copa, mulher de 86 anos dá entrevista com camiseta É Goooooolllpppeee! (17.06.18)

Diário do Centro do Mundo – “Sucesso de público e crítica”, diz cearense que criou a camiseta “É Gooooolllpppeee no Brasil!!!” (19.06.18)

.

.

NOSSA CAMISETA NA RÚSSIA

Camiseta Golpe no Brasil COMP Ana May na Russia 01b
No domingo 17jun, na arena de Rostov, na Rússia, por ocasião do jogo Brasil x Suíça, a equipe de tevê da Fox Sports Brasil encontrou Ana May vestida com a camiseta É GOOOOOOLLLPPPEEE NO BRASIL!!!

Cearense de Fortaleza, Ana May Brasil tem 76 anos, é licenciada em Física pela UFRJ e bacharel em Direito pela UFC. Aposentada como Diretora de Secretaria da Justiça Federal do Ceará, publicou em 2013 o livro de contos Histórias de Antigamente. Em 2018, participou da coletânea Farol, com outros alunos do ateliê de narrativas da escritora Socorro Acioli. É uma danada, essa Ana May. Lembro que quando ela me comprou a camiseta, no início de maio, revelou, com um sorriso de menina traquinas, que iria com ela para a Rússia. Não é que foi mesmo!

.

.

OLHA A CAMISETA PELAÍ!
(apenas a camiseta original)

Um grito de gol que se transforma em denúncia política. Esta camiseta, que já tem imitações em várias cidades brasileiras, caiu no gosto dos que não se sentem à vontade em usar a camiseta oficial da seleção, que virou símbolo das manifestações Fora Dilma e hoje é associada à corrupção da CBF.
OBS.: Quem quiser, pode copiar, mas solicitamos a gentileza da citação do bloco Simpatizo Fácil como criador da camiseta original.

.

.

IMITAÇÕES DA CAMISETA
Todas são bem vindas. O importante é denunciar o golpe.

.

.

ATÉ O PAPA FRANCISCO GOSTOU
desenho: Renato Aroeira

Camiseta Golpe no Brasil COMP Papa Francisco 01

.

.

MARADONA ES MEJOR QUE PELÉ
E a primeira ideia virou camiseta mesmo…

Explorando com bom humor a folclórica rivalidade entre brasileiros e argentinos e uma velha polêmica do mundo futebolístico, ela traz na estampa a imagem do jogador argentino Maradona, que é declaradamente admirador do presidente Lula, a exibir uma camiseta com a imagem de Lula e os dizeres “Lula Livre”.
OBS.: Mais um lançamento do Simpatizo Fácil. Quem quiser, pode copiar, mas solicitamos a gentileza da citação do bloco Simpatizo Fácil como criador da camiseta original.

Camiseta Golpe no Brasil COMP Aline S Maradona 04

.

.

Maradona Lula 01b

.

Camiseta Livre Div 01
Mais um lançamento do Simpatizo Fácil. Quem quiser, pode copiar, mas solicitamos a gentileza da citação do bloco Simpatizo Fácil como criador da camiseta original.

.

.

LEIA NESTE BLOG

Resistindo com arte e alegria – Ocupar os espaços da cidade é reconquistá-la para seus devidos donos: o povo

Sobre lutas, sonhos e a grande farsa – Para quem ainda não percebeu, é isso mesmo o que todos somos, meros atores no grande teatro da existência

Golpe de mestre à brasileira – O processo seria custoso e traumático, e provocaria séria desestabilização na democracia, mas melhor isso que suportar mais um governo de esquerda no Brasil

O socialista crucificado – Se esses cristãos vivessem naquela época, teriam batido panela contra o bandido Jesus e aplaudido sua crucificação

A foto repugnante e o sonho que não pode ser preso – A foto que resume a baixeza moral dos fascistas que querem a morte de Lula

O protesto da babá negra – Talvez ela saiba que quando um governo tem como objetivo a equidade social e a redistribuição da riqueza do país, automaticamente atrai o ódio das elites econômicas, que lutarão para manter seus privilégios

 

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- 


%d blogueiros gostam disto: