Baseado Nisso

BaseadoNissoCapaMiragem-01a.

Baseado Nisso
Liberando o bom humor da maconha
(Ricardo Kelmer. Contos + glossário. Ilustrações: Hemetério. Miragem Editorial, 2015)

Os pais que decidem fumar um com o filho, ETs preocupados com a maconha terráquea, a loja que vende as mais loucas ideias… RK reuniu em dez contos alguns dos aspectos mais engraçados e pitorescos do universo dos usuários de maconha, a planta mais polêmica do planeta. Inclui glossário de termos e expressões canábicos. O Ministério da Saúde adverte: o consumo exagerado deste livro após o almoço dá um bode desgraçado…

.

BaseadoNissoCapaDesenho-01Ilustrações da capa e contracapa: Hemetério


OPÇÕES DE COMPRA E LEITURA

Livro impresso – Edição do Clube de Autores, 132 pag, 15 x 21cm, orelhas. Direto com o autor (R$ 35, frete incluído)
Livro eletrônico – Amazon (e-book) ou PDF personalizado direto com o autor

Livro eletrônico personalizado (PDF direto com o autor)
– Com dedicatória exclusiva para você: R$ 10 (Leitor Vip: R$ 8)

Livro-blog – Para leitura aqui no blog. Links abaixo

> PEDIDOS – Entre em contato: rkelmer@gmail.com
> Conheça outros livros e promoções na seção Livros

.

DIRETO COM O AUTOR
opções de pagamento

Cartão e boleto (Pag Seguro)
Transf. Bancária (
Bradesco, Itaú, Banco do Brasil)

Entre em contato: rkelmer@gmail.com

.

EDIÇÕES
– Publicado originalmente em 1998 em versão impressa, edição Miragem Editorial
– Publicado em 2005 em versão impressa, formato bolso, edição Miragem Editorial
– Disponibilizado em 2008 em versão eletrônica personalizada (PDF), edição Miragem Editorial
– Disponibilizado em 2013 pela Amazon em versão eletrônica, edição Miragem Editorial
– Disponibilizado em 2015 pelo Clube de Autores em versões impressa e eletrônica, edição Miragem Editorial

(Editoras interessadas, favor entrar em contato: rkelmer@gmail.com)

.

BaseadoNissoCapaDesenho-02Ilustrações da capa e contracapa: Hemetério

.

O LIVRO PELO AUTOR

BaseadoNissoCapaMiragem-01aA primeira edição, com mil exemplares, é de 1998. O livro tinha formato padrão (14×21), com capa e ilustrações do genial desenhista Hemetério, e o subtítulo era diferente: “Viagem pelo universo folclórico da maconha”. A primeira edição foi vendida de forma alternativa, com poucos exemplares disponíveis em livrarias de Fortaleza, e esgotou-se sete anos depois.

Em 2005 republiquei o livro, em formato de bolso, acrescentando 4 novos contos e ampliando o glossário de termos e expressões. As ilustrações do interior foram retiradas mas mantive uma ilustração do Hemetério na capa e outra na contracapa. E o subtítulo passou a ser “Liberando o bom humor da maconha”. Esta edição de bolso não chegou às livrarias e vendeu aproximadamente 200 exemplares.

Muitas coisas curiosas e engraçadas envolvem a história deste livro. Uma delas é que recebi críticas desfavoráveis de maconheiros por divulgar coisas que deveriam ficar restritas ao círculo dos usuários. Houve também quem me julgasse não autorizado a escrever tal livro, pois para eles eu não seria maconheiro o suficiente. De modo geral, a receptividade foi boa e já me sugeriram um segundo volume de histórias. Quem sabe. Há outros causos que valem a pena o registro, mas depois eu conto, prometo.

.

CONTOS DO LIVRO

BaseadoNissoCapaMiragem-01aO dia em que papai e mamãe ficaram muito doidos – Juninho está preocupado. Seus pais decidiram experimentar um baseado para saber o que o filho via de tão bom nisso.

A profecia – A melhor maconha da galáxia, a da Terra, está faltando no mercado. Os culpados são os mulgélicos, fanáticos religiosos que tomaram o poder no planeta. O Conselho da Confederação Galática se reúne para decidir o que fazer.

Os revolta – Pais maconheiros e filhos caretas. Isso pode dar certo?

Questão de dias – A mãe de Luís Carlos encontrou maconha no armário do filho. Ele prometeu que pararia de fumar e agora o pai quer que ele marque o dia.

Plutão sai de férias – O baseado acontecedor é aquele que provoca acontecimentos inusitados. Alfredo fumou um desses e reencontrou um amigo que acha que sua mulher o está traindo.

O último homem do mundo – Agenor só queria ser desejado pelas mulheres. Então lhe indicaram um fumo muito bom e ele fez um pacto com um demônio.

A verdadeira história do resgate do soldado Rian – O soldado Rian foi capturado pelos inimigos. Seu sargento acredita que pode salvá-lo. Mas é uma missão quase impossível.

Minhoca na cabeça – Quando o jovem escritor fuma, minhocas saem de sua cabeça. É mais um caso do além para Javier Viegas resolver.

Animação no jantar – Os pais de Maria Amélia estão impressionados com o namorado da filha, um profundo conhecedor da psicologia dos super-heróis.

A fantástica loja de ideias – Projetor 3D, supositório para disfarçar peido, máquina de sexo virtual com personalidades… Todas aquelas ideias geniais que se têm quando se está doidão são vendidas nessa loja.

GLOSSÁRIO DE TERMOS E EXPRESSÕES – A linguagem dos usuários, de A a Z. Mais de 400 verbetes.

.

TEXTOS AFINS

figdrogaslegalizacaomaconha1Quem tem a droga, tem o poder – As quadrilhas do narcotráfico e a nova ordem no Rio de Janeiro (Série Rio Droga de Janeiro)

Os discretos sócios do narcotráfico – Muitos lucram na longa cadeia do narcotráfico (Série Rio Droga de Janeiro)

Guerra às drogas não, antiproibicionismo sim – Descriminalizar o uso das drogas é a saída (Série Rio Droga de Janeiro)

Minha noite com a Jurema – Uma experiência xamânica para mudar toda uma vida

> Mais postagens sobre maconha
.

LEIA TAMBÉM

Programas a favor da maconha se espalham pelas TVs dos EUA (The New York Times, 20.09.09)

Ciência e fraude no debate da maconha (Folha de São Paulo, 30.07.10)

.

.

elalivro10Seja Leitor Vip e ganhe:
.
Acesso aos Arquivos Secretos
Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- Oi Ricardo Cara, eu ri demais “No Dia em que papai e mamãe ficaram muito doidos” hahahaha… isso já valeu o meu domingo. Beijos Ana Cristina Souto, Fortaleza-CE – jan2006

02- Adorei o Mingo! Ele só destruiu todos os meus ídolos de infância, mas…tudo bem!Beijos Kelmérico. Cinthia Azevedo, Fortaleza-CE – mar2006

03- Pois eu ganhei o Baseado Nisso de presente de um amigo, na realidade ele sempre me mandava alguns textos seu por email e eu curtia muito então no meu aniversário ele me deu… inclusive está assinado … hehehehe Adorei dimais… a ponte dos pergaminhos metálicos… pirei… ahahahahaha. Julia – mai2006

04- bom pra começar o livro é da minha irmã e eu por mta curiosidade por conta do título não resisti… confesso que as histórias são fascinantes de modo que não se consegue parar de ler… bom eu acho q ela comprou na net… não sei bem Parabéns pelo sucesso…. Nycka, São Paulo-SP – mai2006

05- passei para lhe dizer que adorei ter lido um de seus livros foi a minha cunhada que me deu esta ai da sua lista de amigos a Rildete, ela virou fã mesmo e consequentemente eu também… (rsrs) abraços. Nanda Vasconcelos, Fortaleza-CE – mai2006

06- Terminei de ler “O Último Homem do Mundo” e confesso que eu me senti agradavelmente surpresa com o final. Na verdade, eu me encantei com toda esta estória que me parece tocar em sentimentos profundos de uma maneira simples e bem humorada. Acho que neste conto vc descreveu muito bem o horror e a solidão que podem acompanhar o prazer sem limites. Interessante que “ao acordar” o Agenor sentiu necessidade de pedir desculpas para a Dorinha. Muito meigo e belo…, sabia?! Bj_. Kátia Regis Albuquerque, João Pessoa-PB – out2006

07- beleza, muito bom o baseado! Cesar de Cesário, Campina Grande-PB – out2006

08- Essa história é genial (O último homem do mundo). Recomendo. Vale muito a pena ler. Marcelo Gavini, São Paulo-SP – jun2010

09- Esse livro que conheço há anos é muito engraçado. Um verdadeiro manual do mac moderno. As gírias já mudaram, claro, mas continua super atual. Fernando Veras, Camocim-CE – ago2010

10- Livro bom mesmo, gostei demais e ri a valer. Ligia Eloy, Lisboa-Portugal – ago2011

.

Anúncios

6 Responses to Baseado Nisso

  1. Mariucha disse:

    Gostei do desespero do Agenor, quem não sonha em quero tudo e se esqueça que nem tudo está ao seu dispor. O que fará para excluir sua mãe de todas as mulheres do mundo apaixonadas por ele (risos). Quero ver o resto.
    Bjinhos

    Curtir

  2. Neuza disse:

    Eu gostaria de fazer uma transferencia urgente você pode me ajudar?

    Curtir

  3. André Vinícius disse:

    achei seu livro jogado numa estante da Biblioteca de Humanidades da UFC, quase por acaso. Li e gostei muito. De cara vierei seu fã. A sua capacidade de lidar com fatos fantásticos com a mesma sutileza que lidar com fatos do dia a dia é impressionante.

    Curtir

  4. […] Medicinal Apoiar é Legal” Vitor Tavares – 20/04 – 1 Livro, Baseado Nisso e uma camiseta do Papo de Brisado É hoje, […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: