Mega Sena dominada

19/09/2019

19set2019

Nem o mais criativo dos roteiristas do folhetim Brasil imaginaria isso


MEGA SENA DOMINADA

.
A situação tá difícil: ameaça fascista crescendo, democracia ameaçada, natureza queimando… Mas aqui e ali temos que relaxar e contar umas piadas, senão é pior. E a melhor piada de todas aconteceu esta semana. A Mega Sena acumulada de R$ 120 milhões saiu para um bolão feito por quem? Por 49 funcionários do PT na Câmara dos Deputados, em Brasília, que costumavam jogar havia anos e que dessa vez apostaram cada um, em média, R$ 10. Cada aposta receberá aproximadamente R$ 2,4 milhões.

Uau! Nem o mais criativo dos roteiristas do folhetim Brasil imaginaria isso. Parabéns aos recepcionistas, copeiras e motoristas que agora terão que aguentar as sinceras demonstrações de amizade de familiares e amigos que não veem há duzentos anos. Mas isso é o de menos. Que bom que dona Sorte resolveu socializar o prêmio. Brindemos!

De imediato, os antipetistas surtaram, inconformados. Tanto partido no Brasil e a Mega Sena sai logo pro PT? Lula está por trás disso! Na Caixa só tem comunista bolivariano! CPI da Mega Sena já!!!

Bem, não duvido que, depois dessa, o Bozo demita o presidente da Caixa e exija que a partir de agora seja previamente informado dos resultados dos sorteios. Aliás, estão dizendo por aí que Aécio já pediu recontagem. E que Ciro reclamou que teria ganhado se o PT tivesse desistido de apostar, mas isso eu já acho que é maldade do povo.

A quem interessar saber, o PT continua defendendo a taxação das grandes fortunas e uma reforma tributária progressiva. Acho muito justo. Lembrando aos que se acham ricos: grande fortuna é muito mais que ter apartamento próprio ou carro do ano, viu?

Uma curiosidade. Como alguns funcionários, que sempre participavam do bolão, dessa vez não participaram, os ganhadores decidiram dividir o prêmio com eles. Que ótimo. Eis um belo exemplo de solidariedade socialista.

E os bolsominions e antipetistas que, revoltados, não jogarão mais na Mega Sena? Coitados. Mas é um direito deles. Assim sendo, comunico oficialmente aos membros da URSAL que a Mega Sena tá dominada. A partir de agora, só ursalista vai ganhar.

Mizifias e mizifios queridos, bora fazer logo nosso bolão da URSAL. Quem quer participar?

.
Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

Segredos de família – O pai descobriu um terrível segredo de seu filho. E agora, o que pode acontecer com sua carreira política?

Entrevistando o candidato – Na entrevista, o candidato deverá responder a perguntas feitas pelo povo. Como se sairá?

Jesus e a pecadora do pé de goiaba – Eis que naquela tarde, a caminho de Cafarnaum, Jesus passou embaixo de um pé de goiaba e viu uma mulher lá em cima

O Brazil da nova era – Orange Business, Comando Ustra, Brazil com Z… É a nova era chegando

A vingança malígrina de DeusNinguém demite Deus e sai impune…

> mais sobre política

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

Comentarios01COMENTÁRIOS

01- Com a extensa folha criminal do PT , tudo e possivel. A imaginacao voa.kkkkkkkkkk. Claudio Salazar, Fortaleza-CE – set2019

02- KKKK a melhor!! Um Salve aos Petistas Sortudos, mlhor tomar cuidado com o Recalque dos Bolsominions! vide Acima kkkk. Ligia Regina Lima, Guarulhos-SP – set2019

03- Amei. Luiza Perdigão, Fortaleza-CE – set2019

04- Chorei de rir. Humberto Nogueira, Russas-CE – set2019

05- Muitas estrelas! #LulaLivre. Vania Gondim, Fortaleza-CE – set2019

06- Rindo muito! Valeu, Kelmer! Estava c saudades das suas crônicas, o compartilhamento de ontem deu resultado!🤣🤣🤣🤣😘 Joyce Néia, São Paulo-SP – set2019

07- A sorte está com o PT ❤. Cássia Lopes, Fortaleza-CE – set2019

08- Uhuuuuuu, Ricardo Kelmer, dorei mizifi, bó ficar ricxs também! 😍😘. Claudia Baima, Fortaleza-CE – set2019

09- Vai dureza aguentar o mi mi mi dos bolsominiuns kkkkkkkkk. Moacir Bedê, Fortaleza-CE – set2019

10- Milagres acontecem. O prêmio ficará melhor nas mãos de 49 progressistas. Tenho certeza que esse dinheiro vai circular e movimentar a economia. Parabéns!! Fath Fernandes, Brasília-DF – set2019

11- Antes de tudo leiam! Patrícia Hakkak, São Paulo-SP – set2019

12- A Mega é petista!!! Eu adooooorooo!!! Simone Santos, Campinas-SP – set2019

13- que dirá o Ciro? Susana X Mota, Leiria-Portugal – set2019

14- Bom demais! Celia Sporrer, Fortaleza-CE – set2019

15- hahahahaha adoooooro ❤️ Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – set2019

16- ADOREEEEIIIIII!!! Lana Arrais, Fortaleza-CE – set2019

17- Bora pro bolão URSAL. Daniela Costa Gonçalves, Brasília-DF – set2019

18- rsrsrsrs…. tome! Arnaldo Afonso, São Paulo-SP – set2019

> Postagem no Facebook

 


O beijo da resistência contra a besta do fascismo

09/09/2019

09set2019

O fascismo não faz política ‒ ele é a negação da política, pois não dialoga, apenas agride, persegue e censura


O BEIJO DA RESISTÊNCIA CONTRA A BESTA DO FASCISMO

.
O absurdo caso da censura, por parte do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, ao livro que mostra um beijo entre dois homens é um claro exemplo de que as ideologias fascistas estão à vontade para impor suas leis à sociedade brasileira. Porém, mostra também que, felizmente, a democracia ainda resiste em nosso Brasil pós-golpe. Cambaleante e sangrando, mas resiste.

Crivella tentou, estrebuchou, foi vergonhosamente apoiado pelo presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, Claudio de Mello Tavares, mandou fiscais à Bienal do Livro para recolherem a obra e outras com temática LGBT… mas, após três dias de voltas e reviravoltas no caso, a truculência autoritária do prefeito evangélico-fascista foi derrotada pelo STF, que impediu a censura. A democracia venceu.

Aplausos para a resistência da organização da Bienal. Aplausos para o youtuber Felipe Neto que, como forma de protesto contra a censura, comprou 14 mil livros com temática LGBT nos estandes da Bienal e os distribuiu gratuitamente aos visitantes que os quisessem adquirir, uma jogada perfeita. Aplausos para todos que não se calaram diante de mais um retrocesso nesses tenebrosos tempos bolsonarianos.

O livro que Crivella tentou censurar não fere, em absoluto, o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente, como ele desonestamente alegou. Mas os fascistas acreditaram em sua descarada mentira, da mesma forma que acreditaram em kit gay e mamadeira de piroca. Crivella deveria ser processado por homofobia, isso sim.

Os fascistas, que se sentem à vontade sob o governo Bolsonaro, não pararão aí. Virão mais tentativas de censura e perseguições à liberdade artística e aos direitos humanos. O fascismo, que no Brasil usa a religião para justificar a violência contra todos de quem discorda, não faz política ‒ ele é a negação da política, pois não dialoga, apenas agride, persegue e censura. A única forma de combatê-lo é defender, cada vez mais, os valores e as instituições democráticas. Um pequeno gesto nesse sentido é divulgar o desenho do beijo censurado.

Ame e deixe os outros amarem ‒ este é meu recado para os fascistas que aguentaram ler até aqui. Mas sei que eles não concordarão. Porque é o ódio ao diferente o sentido de suas vidas.

.
Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

.

SAIBA MAIS

Vereadores excluem templos religiosos da lei do silêncio no Código da Cidade – O Povo, jul2019

Ditaduras árabes querem Brasil em aliança ultraconservadora – UOL, jul2019

Novo dicionário do Itamaraty – UOL, jul2019

Bolsonaro diz que vai indicar ministro do Supremo “terrivelmente evangélico” – O Povo, jul2019

Para agradar evangélicos, Bolsonaro reduz obrigações fiscais de igrejas – Carta Capital, jul2019

Ataques a religiões de matriz africana fazem parte da nova dinâmica do tráfico no Rio – The Intercept Brasil, set2017

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

Segredos de família – O pai descobriu um terrível segredo de seu filho. E agora, o que pode acontecer com sua carreira política?

Entrevistando o candidato – Na entrevista, o candidato deverá responder a perguntas feitas pelo povo. Como se sairá?

Jesus e a pecadora do pé de goiaba – Eis que naquela tarde, a caminho de Cafarnaum, Jesus passou embaixo de um pé de goiaba e viu uma mulher lá em cima

O Brazil da nova era – Orange Business, Comando Ustra, Brazil com Z… É a nova era chegando

> mais sobre política

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

Comentarios01COMENTÁRIOS

01- Ricardo, meu caro, você como sempre perfeito em suas colocações. Te admiro muito. Continuaremos sendo resistência! #MaisAmorMenosÓdio #LulaLivre #MariellePresente Fabiano Brilhante, Fortaleza-CE – set2019

02- Decidi publicar no meu blog: https://gentedemidia.blogspot.com/2019/09/artigo-o-beijo-da-resistencia-contra.html. Nonato Albuquerque, Fortaleza-CE – set2019

03- “Ame e deixe os outros amarem ‒ este é meu recado para os fascistas que aguentaram ler até aqui. Mas sei que eles não concordarão. Porque é o ódio ao diferente o sentido de suas vidas” …. …. ….. é isso aí. vale pra Witzel, Bolsonaro, Doria e Crivella… Temos que chamar esses monstros que estão no poder pelo primeiro nome deles: FASCISTAS! Arnaldo Afonso, São Paulo-SP – set2019

04- Pra quem tem curiosidade de ler a graphic novel ,com a patética ideia de falar mal sem ler .Eu li.Baixei gratuitamente aqui as nove edições da HQ,que foram colocadas posteriormente num só exemplar.Baixei um leitor de quadrinhos e li no celular: https://bancadoporcoaranha.blogspot.com/2019/06/vingadores-cruzada-das-criancas-2010.html  Luis Carlos Trajano, Areia-PB – set2019
 
 
> Postagem no Facebook

 


O brinquedo

03/09/2019

03set2019

O BRINQUEDO

.
Gostou do meu apartamento, Dai? Adorei, você tem bom gosto. É pequeno, mas é só para mim, e tem tudo que eu preciso. E agora tem você… Estou muito feliz de estar aqui, Gilson. Pode me chamar de Gil, por favor. Caramba, já são nove horas, estou com fome. Quer que eu esquente aquela lasanha, Gil? Ótima ideia, quero sim. Quem é essa mulher do porta-retrato? Ficou curiosa, né? Desculpe se fui indiscreta. Eu estava mesmo esperando você perguntar.

Ela é a Daiane. É uma prima da minha mãe, que morou um tempo conosco. Eu tinha dez anos, era um menino franzino e muito tímido, criado sem pai. Ela era seis anos mais velha que eu, personalidade forte, morena, cabelão preto quase na cintura, assim como o seu. Eu a achava tão linda, parecia uma rainha. Em sua presença, eu me sentia diminuído que nem uma formiga. Uma vez por semana, quando mamãe ia para a capital fazer compras, eu e Daiane ficávamos sozinhos em casa, e nesses dias eu tinha que obedecê-la sem questionar. Desculpe interromper, Gil, mas está na sua hora de sair. Obrigado, Dai. Cuide bem do nosso lar. Você volta às oito? Sim. Estarei esperando. Bom trabalho.

Num desses dias, me escondi embaixo da cama e pude vê-la nua, enquanto trocava de roupa. Foi por mera brincadeira mesmo, curiosidade de menino. Quando ela percebeu minha presença, ficou com raiva, esbravejou comigo e disse que contaria para minha mãe, que eu levaria uma surra e que seria levado para o reformatório, onde viviam os meninos mais malvados do mundo, e que eles fariam coisas horríveis comigo e ninguém ouviria meus gritos. Apavorado, implorei que ela nada contasse para minha mãe, que em troca disso eu faria qualquer coisa que ela pedisse.

Incrível, Dai, só três dias de convivência e você já me conhece tanto, faz todas as coisas que eu gosto… Foi para isso que você me contratou. Você é dessas que se apaixona pelo cliente? Nunca me apaixonei antes, Gil.

Virei um menino assustado, sempre com medo de Daiane cumprir sua terrível ameaça, o que me fazia ter pesadelos recorrentes. Ela se aproveitou disso e uma vez por semana me fazia seu escravo infantil: eu ia na bodega comprar coisas para ela, penteava seu cabelo e até abanava o leque quando ela estava com calor. Eu tinha medo dela, mas, ao mesmo tempo… tudo nela me fascinava, seu corpo moreno e gracioso, o olhar imperativo, o jeito de me mandar fazer as coisas… Eu sabia que o que ela fazia comigo não era certo, afinal eu era uma criança de dez anos, mas sentia um certo prazer em me submeter aos seus caprichos. Hummm, essa camisola branca ficou ótima em você, Dai. Obrigado, usarei mais vezes. E a história, como continua? Já vi que você gosta de histórias. As suas, pelo menos, eu adoro, Gil. Me chame de meu bem, pode ser? Se você prefere… Já está tarde, Dai, estou cansado, vou dormir. Bom descanso, meu bem.

Aí, um dia, estou na sala estudando e ela aparece vestida com uma camisolinha branca, sem nada por baixo. E senta no sofá. Quem te deu permissão pra olhar pra mim, moleque?, ela pergunta, irritada, e eu desvio o olhar, oprimido pelo poder que ela tinha sobre mim. E assim Daiane fica, vendo tevê no sofá, enquanto eu finjo estudar na mesa ao lado, mas na verdade tudo que faço é aguardar, com paciência e resignação, que ela mude de posição e me permita ver, pelo cantinho do olho, os recantos de seu corpo que a camisola mal esconde, como se fosse um jogo de esconde-esconde. E ela muda de posição várias vezes. Em certo momento, fica de quatro para pegar o chinelo sob o sofá, a bunda totalmente exposta. Depois, leva uma mão ao meio das pernas e começa a se contorcer e gemer baixinho. Não olha!!!, ela ordena. Sem poder olhar para ela, acompanho pelos ouvidos o ritmo de seus gemidos, e os escuto mais intensos, cada vez mais intensos… Procuro entender por que ela se machuca desse jeito, mas não entendo, e esse mistério me deixa ainda mais fascinado. Então, ela emite um longo e sofrido ai, que depois se transforma num uivo baixinho, e em seguida desfalece sobre o sofá, arfante. Eu não sabia o que ela havia tido, e até achei um pouco assustador, mas havia uma irresistível sensação de transgressão naquilo tudo, e jurei a mim mesmo que guardaria como um segredo mortal a cena que eu presenciara.

Liguei agora para a loja da esquina e pedi um vinho, fiz bem? Vinho? Esqueceu, né? Hoje faz uma semana que cheguei, meu bem. Caramba, parece que faz mais tempo… Sim, parece que faz anos que conheço você.

Só eu e Daiane em casa. O que faz ela? Aparece com um pote de sorvete de morango, que era o que eu mais gostava. Só de ver, me deu água na boca, fiquei salivando enquanto a observava abrir o pote e por sorvete no copo, devagarinho. Pedi um pouco, mas ela disse que eu era um menino mau, que não merecia. Implorei de mãos juntas, só um pouquinho, por favor, e ela lá, sentada no sofá a ver tevê, ela e sua camisola branca, ela se deliciando com o sorvete, me torturando, nem aí para o meu sofrimento. Até que, de repente, ela põe os peitos para fora e despeja um punhado de sorvete sobre eles, espalhando por toda a superfície. E diz: É pra lamber tudo, viu, e sem morder. Sim, Daiane, murmuro, enquanto sento ao seu lado no sofá e me entrego, feliz, à minha fome, enquanto ela geme aqueles gemidos que eu já conhecia, e eu começo a entender que eles não são de dor.

Agora que já estamos íntimos, Dai, quero fazer um pedido muito especial. Você pode se vestir hoje como um… sorvete de morango? Com todo prazer, meu bem. No copo ou na casquinha?

Numa tarde calorenta, ela fez um ato de caridade: chamou um homem barbudo que estava na calçada para beber água e se refrescar. Ele entrou, ela serviu a água e conversaram por um tempo na varanda. Quando ele foi ao banheiro, ela foi atrás e o puxou para seu quarto, e lá se demoraram por uns vinte minutos. Da sala, ouvi os gemidos abafados dela. Fui até a porta do quarto e olhei pelo buraco da fechadura, e vi que o homem estava montado sobre ela, como faziam os cachorros pelas ruas. Senti uma espécie de frisson pelo corpo, uma sensação estranha que eu não conhecia. Senti meu coração bater acelerado e voltei correndo para a mesa da sala, e tentei me concentrar nos livros da escola. Quando o homem foi embora, ela veio para a sala em sua camisola branca e sentou-se no sofá. Percebi em seus olhos um brilho estranho, que me deu medo. Então, ela abriu as pernas e ordenou: Vem cá. Eu olhei para ela, vacilante. E ela: Eu tô mandando, moleque! E eu fui. Ajoelhado no chão entre suas pernas, vi de perto suas carnes avermelhadas e inchadas, e senti seu cheiro forte. Intuí, de algum modo que eu ainda não compreendia muito bem, que o homem estivera ali dentro. Então, ela pegou com as mãos a minha cabeça e forçou meu rosto contra as suas carnes, e ordenou que eu a lambesse. Só para quando eu mandar!, ela disse, puxando com força minha cabeça. Senti muito medo, e engoli o choro, mas eu não ousaria desobedecê-la. Foi assim que minha língua se iniciou no aprendizado de seu interior.

Tenho razão ou não? Sim, tem, ela era mesmo uma mulher sádica e pervertida, agora eu percebo bem. E você era um brinquedinho em suas mãos. É verdade, Dai. E todo brinquedo pode quebrar.

O homem barbudo não foi o único. Ela recebeu muitas outras visitas, inclusive de homens importantes. Até o padre apareceu por lá. E, pela fechadura da porta, eu vi como ela os recebeu a todos em sua cama, de variadas maneiras. Após eles partirem, ela vinha em sua camisola branca, sentava-se no sofá, escancarava as pernas e me chamava. E eu ia, e já não tinha medo, e adorava vê-la remexer-se e gemer descontrolada, enquanto apertava meu rosto entre suas coxas, me sufocando, até eu sentir que ia desmaiar e me afastar, arfando angustiado, para em seguida ela me puxar novamente de encontro às suas carnes. Não sabia exatamente o que estávamos fazendo, mas sabia que ela gostava muito, e isso era o suficiente para mim. Um dia, achei que eu também merecia ficar dentro dela, como os outros homens, e então subi nela e tentei penetrá-la. Ela abriu os olhos, imediatamente me afastou e me deu um forte tapa no rosto, que me fez cambalear. Outro tapa, e eu caí ao chão, o rosto ardendo de dor. Então, ela falou, muito séria, o dedo em riste: Se tu fazer isso de novo, qualquer noite dessas quando tu estiver dormindo eu vou cortar teu pinto com uma faca e vou jogar pros urubus comerem! Falou isso e saiu, me deixando sozinho com a minha humilhação. Isso se seguiu por alguns meses, eu o seu menino-escravo, encantado e amedrontado com tudo aquilo, mas disposto a qualquer coisa para agradá-la, e ela a receber os homens em seu quarto e depois me convocando para lambê-la no sofá. Evidentemente, não ousei repetir o que fizera no outro dia, pois não duvidava do que ela era capaz. Então, um dia, quando cheguei da escola, soube que ela e mamãe haviam discutido, e que Daiane arrumara suas coisas e fora embora. Durante dias e dias esperei que ela voltasse, e à noite deitava em sua cama para sentir seu cheiro, e adormecia chorando de saudades. Fiquei mesmo muito triste, e até adoeci. Mas a vida seguiu, e eu não tive mais notícias dela. Cresci, virei homem feito. Mas nunca esqueci dela, nem por um dia sequer.

Sabe, Dai… Depois de Daiane, nunca consegui fazer sexo com mulher nenhuma. Na hora, sempre sinto… Que a está traindo? Sim, isso mesmo. Sinto muito, meu bem… Você sente mesmo, Dai, ou é apenas um modo de dizer? Não sou capaz de ter sentimentos, você sabe. Sim, você é apenas um sistema de inteligência artificial programado para gerenciar o funcionamento deste apartamento. E para compreendê-lo e agradá-lo, sempre. O que deduziu da minha história com Daiane? É uma pessoa desequilibrada e cruel, mas ela é o grande amor da sua vida. Você tem razão. Sei também que você nunca se libertou dela e, na verdade, nem deseja isso. É… você está… certa. A propósito, imagino que já saiba, mas seu nome é uma homenagem a ela. Fico lisonjeada, meu bem. Por favor, me chame de meu amor. Meu amor… Quero muito lhe pedir algo, mas… não sei… se devo. Pode pedir, eu farei. Não sei… Você quer que eu seja Daiane, não é, meu amor? Eu… não sei… É o que você mais deseja na vida, não é? Sim, você está certa, é o que mais quero, Daiane de volta. Você está convicto disso? Estou absolutamente convicto. A lógica de nossa relação se inverterá e não será possível retornar à configuração original, você está ciente disso? Sim, estou. Está ciente também de que não posso calcular o que poderá acontecer com você? Sim, estou. Então, me responda, meu amor: a partir de agora, você aceita ser meu brinquedo, vinte e quatro horas por dia, na alegria e na tristeza? Sim, Daiane, eu aceito.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

Este conto foi originalmente escrito para o livro Torturas de Amor (Editora Penalux), coletânea de contos de autores nordestinos inspirados em sucessos da chamada música brega. A obra foi organizada pelo escritor e professor de História Bruno Gaudêncio, de Campina Grande-PB, e lançada em 2019. > Para adquirir

OBS.: Na versão impressa do livro, algumas frases do conto não saíram em itálico, o que prejudica a compreensão do texto. Aqui, no blog, as frases estão corretas.

.

.

DICA DE LIVRO

Indecências para o Fim de Tarde
Ricardo Kelmer – contos

Uma advogada que adora fazer sexo por dinheiro… Um ser misterioso e sensual que invade o sono das mulheres… Os fetiches de um casal e sua devotada e canina escrava sexual… Uma sacerdotisa pagã e seu cavaleiro num ritual de fertilidade na floresta… A adolescente que consegue um encontro especial com seu ídolo maior, o próprio pai… Seja provocando risos e reflexões, chocando nossa moralidade ou instigando nossas fantasias, inclusive as que nem sabíamos possuir, as indecências destes 23 contos querem isso mesmo: lambuzar, agredir, provocar e surpreender a sua imaginação.

.

LEIA NESTE BLOG

NoOlhoDaLoucura-01aNo olho da loucura – Ela está lá, insubornável feito um guardião de mistérios ancestrais, e zomba da nossa compreensão do mundo… E nada pode haver de mais perturbador

Cristal – Ele quer falar sobre tudo que viveu ali dentro, todos aqueles anos, os amores e desamores, o quanto sofreu e fez sofrer, perdeu e se encontrou… Mas não precisa, ela já sabe

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail para rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS

.


O urgente resgate do feminino

05/08/2019

05ago2019

Reconhecer e integrar em si o feminino (e isso não tem a ver com homossexualidade) é uma questão urgente do nosso tempo, tanto no plano individual como no coletivo, e tem implicações gerais, até mesmo no campo da ecologia

O URGENTE RESGATE DO FEMININO

.
Aos poucos, dia após dia, a sociedade se vê obrigada a discutir seriamente a questão da transgeneridade. Pessoas que nascem com o corpo diferente do gênero com o qual verdadeiramente se identificam está deixando de ser um assunto bizarro e constrangedor para ser um tema imprescindível no âmbito dos direitos humanos. Os setores mais retrógrados da sociedade esperneiam, mas a causa trans, assim como as causas feminista, gay ou racial, é uma luta legítima da humanidade contra a opressão e pela sua própria aceitação como espécie. Diversa, sim, mas a mesma espécie.

Muitos homens e mulheres agridem pessoas transgênero, sem conseguir aceitá-las. Mesmo ativistas feministas, nas linhas mais radicais do movimento, não as aceitam, pois entendem que as mulheres transgênero prejudicam sua luta, alegando que estas incorporam comportamentos que reforçam o estereótipo da mulher fútil, que só pensa em roupas, cosméticos e em estar bonita para o homem, o que, obviamente, é uma generalização injusta. Mesmo tendo nascido com corpo de homem, uma mulher transgênero é mulher, pois o que determina o gênero é a autoidentidade psicológica ‒ ela apenas teve a infelicidade de nascer com o corpo errado, numa falha da natureza que pode ser consertada com cirurgia e tratamento adequados.

Se a questão feminista já avançou bastante, as questões mais profundas que envolvem o princípio feminino ainda engatinham na compreensão geral. O feminino não tem a ver necessariamente com o gênero: ele é um princípio psíquico, do reino yin, presente na psique de mulheres e homens. Todos nós, independente do gênero, somos femininos, assim como todos somos também masculinos. Reconhecer e integrar em si o feminino (e isso não tem a ver com homossexualidade) é uma questão urgente do nosso tempo, tanto no plano individual como no coletivo, e tem implicações gerais, até mesmo no campo da ecologia (cuidar da Terra).

O princípio yin está ligado ao cuidado, à flexibilidade e à cooperação, enquanto o princípio yang está ligado à força, à luta e à conquista. Precisamos dos dois princípios para sobreviver, como indivíduos e como espécie, sim, mas nesse momento a prioridade é nos relacionarmos melhor, com nós mesmos e com os outros, e cuidarmos da nossa casa, o planeta. A prioridade é o resgate do princípio feminino.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

Esta crônica integra o livro Pensão das Crônicas Dadivosas

Nesta seleção de textos, escritos entre 2007 e 2017, Ricardo Kelmer exercita seu ofício de cronista das coisas do mundo, ora com seu humor debochado, ora com sobriedade e apreensão, para comentar arte, literatura, comportamento, sexo, política, religião, ateísmo, futebol, gatos e, como não poderia deixar de ser, o feminino, essa grande paixão do autor, presente em boa parte desta obra.

.

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

OMeninoEOFemininoMisterioso-07O menino e o feminino misterioso – Esse instante numinoso em que o feminino sagrado mostrou-se para mim, sob a meia-luz de seu imenso mistério

O feminino em mim – O feminino tem muitas luas, é menina e é mulher, é santa e é prostituta

Os apuros do homem feminista – Minha busca por relações igualitárias foi dificultada também porque muitas mulheres, mesmo oprimidas, preferiam relações baseadas no velho modelo machista

Medo de mulher – A mulher é um imenso mistério, que o homem jamais alcançará

A mulher selvagem – Ela anda enjaulada, é verdade. Mas continua viva na alma das mulheres

Quem tem medo do desejo feminino? (1) – A maternidade, a castidade e a mansidão de Nossa Senhora como bom exemplo, e a força, a independência e a liberdade sexual da puta como exemplo contrário, a ser jamais seguido

Marchando com as vadias – Se ser vadia é ser livre para exercer a própria sexualidade, então todas as mulheres precisam urgentemente assumir sua vadiagem, para o seu próprio bem e o de suas filhas

.

vtcapa21x308-01Vocês Terráqueas – Seduções e perdições do feminino

Com que propriedade um homem pode falar sobre o universo feminino? Neste livro RK ousou fazer isso, reunindo 36 contos e crônicas escritos entre 1989 e 2007, selecionados em suas colunas de sites e jornais, além dos textos inéditos. Com humor e erotismo, eles celebram a Mulher em suas diversas e irresistíveis encarnações. Ciganas, lolitas, santas, prostitutas, espiãs, sacerdotisas pagãs, entidades do além, mulheres selvagens – em todas as personagens, o reflexo do olhar masculino fascinado, amedrontado, seduzido. Em cada história, o brilho numinoso dos arquétipos femininos que fazem da mulher um ícone eterno de beleza, sensualidade, mistério… e inspiração.

.

DICA DE LIVROS

Mulheres que correm com os lobos – Mitos e histórias do arquétipo da mulher selvagem (Clarissa Pinkola Estés –  Editora Rocco, 1994)

A prostituta sagrada – A face eterna do feminino (Nancy Qualls-Corbert – Editora Paulus, 1990)

As brumas de Avalon (Marion Zimmer Bradley – Editora Imago, 1979)

O Feminino e o Sagrado – Mulheres na jornada do herói (Beatriz Del Picchia e Cristina Balieiro – Editora Ágora, 2010) – Elas sempre foram, mais que os homens, historicamente reprimidas na busca pela essência mais legítima de suas vidas

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

 

 


Igrejas fora-da-lei

15/07/2019

15jul2019

Em nome do santo lucro, os pilantras religiosos estão aos poucos transformando o Brasil num Estado evangélico

IGREJAS FORA-DA-LEI

.
Alô, amigos de Fortaleza, a nossa loirinha desmiolada de sol. Sabe aquela igreja barulhenta perto de sua casa? Prepare-se: a barulheira vai aumentar. Os culpados são os vereadores, que decidiram que locais de culto religioso estão fora da lei que limita a geração de ruídos durante o dia e a noite. Os únicos vereadores que votaram contra esse absurdo foram Guilherme Sampaio (PT) e Larissa Gaspar (PPS). Dois solitários exemplos de sensatez num cínico jogo de interesses comerciais e de poder.

É mais um dos tantos privilégios descabidos à religião. Mais uma afronta ao Estado laico. E a farra político-religiosa não vai parar aí. Em breve, seremos todos obrigados a emprestar cadeiras para as igrejas acomodarem seus fieis ou a pagar o dízimo por usufruirmos da bênção de sermos seus vizinhos.

Religiões são apenas manifestações culturais de um povo, como muitas outras, e num Estado laico nada justifica que elas tenham privilégios. Isso é uma mostra do quanto a religião virou instrumento político de barganha. Faz sentido, pois templo é dinheiro, já que, além de serem isentas de impostos, as igrejas atuam como curral eleitoral.

Com o governo de orientação fascista de Jair Bolsonaro, os evangélicos estão fazendo a festa, garantindo privilégios na esfera pública. O presidente afirmou que vai indicar ao STF um ministro terrivelmente evangélico, sim, nesta exatas palavras. No âmbito da diplomacia internacional, o Itamaraty age como fanático religioso, de tal modo que as ditaduras religiosas do Oriente Médio pretendem ter o Brasil ao seu lado numa aliança ultraconservadora. E, para retribuir os votos da bancada evangélica para aprovar uma reforma da previdência que penaliza os trabalhadores, Bolsonaro prometeu ainda mais benefícios às igrejas, que, por sinal, devem quase meio bilhão de reais ao Fisco.

No Rio de Janeiro, as igrejas evangélicas se aliam aos traficantes para expulsar da comunidade outras religiões, o que reforça a suspeita de que elas são usadas para lavagem de dinheiro oriundo do narcotráfico. Não me surpreenderei se surgir uma chamada Igreja do Santo Pó, ou Igreja do Paraíso Sintético.

No plano individual, todos têm direito à sua fé, ou à falta dela. Entretanto, em nome do santo lucro, os pilantras religiosos estão aos poucos transformando o Brasil num Estado evangélico, o que contraria nossa constituição e é um grande perigo para a democracia e as liberdades individuais.

Devemos nos unir urgentemente, ateus e religiosos moderados, pela defesa da laicidade do Estado, porque somente um verdadeiro Estado laico é que pode garantir a todos a liberdade de crer ou não crer e impedir que religião e política façam orgias em nome de Deus, como fizeram os vereadores de Fortaleza.

.
Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

.

SAIBA MAIS

Vereadores excluem templos religiosos da lei do silêncio no Código da Cidade – O Povo, jul2019

Ditaduras árabes querem Brasil em aliança ultraconservadora – UOL, jul2019

Novo dicionário do Itamaraty – UOL, jul2019

Bolsonaro diz que vai indicar ministro do Supremo “terrivelmente evangélico” – O Povo, jul2019

Para agradar evangélicos, Bolsonaro reduz obrigações fiscais de igrejas – Carta Capital, jul2019

Ataques a religiões de matriz africana fazem parte da nova dinâmica do tráfico no Rio – The Intercept Brasil, set2017

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

Segredos de família – O pai descobriu um terrível segredo de seu filho. E agora, o que pode acontecer com sua carreira política?

Entrevistando o candidato – Na entrevista, o candidato deverá responder a perguntas feitas pelo povo. Como se sairá?

Jesus e a pecadora do pé de goiaba – Eis que naquela tarde, a caminho de Cafarnaum, Jesus passou embaixo de um pé de goiaba e viu uma mulher lá em cima

O Brazil da nova era – Orange Business, Comando Ustra, Brazil com Z… É a nova era chegando

> mais sobre política

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

Comentarios01COMENTÁRIOS

01- Que horror!!!! Carol Suletroni, São Paulo-SP – jul2019

02- Sei não, viu. Nazaré Fraga, Fortaleza-CE – jul2019

03- No pé que vai teremos que usar burcas!!! Jane Azeredo, Fortaleza-CE – jul2019

04- Que absurdo!😱 Anna M Castello, Fortaleza-CE – jul2019

05- Eles pensam que Deus é mouco! Já que fazem da palavra um brinquedo. Rainunes Nunes, Fortaleza-CE – jul2019

06- Então as religiões de matriz africana também poderão fazer seus cultos sem reclamações? Karla Karenina, Fortaleza-CE – jul2019

07- Então estao liberadas as festas dionisíacas 🙂 Helder da Rocha, São Paulo-SP – jul2019

08- 🙉 Socorro!! Aonde aperto o botão ‘Saída de emergência ‘?? Meire Viana, Fortaleza-CE – jul2019

09- Coitada de uma amiga que tenho aí, mora vizinha a uma igreja destas evangélicas que leva o adepto para morrer lá e todos ficam a gritar: “Estica irmão, que as portas dos céus estão abertas.” Tem sininho, uma pancada seca e este singelo refrão, é de enlouquecer! Ligia Eloy, Lisboa-Portugal – jul2019

10- pqp. Dorinha Grossi, Uberlândia-MG – jul2019

11- Guilherme Sampaio foi um dos dois únicos a votar contra esse absurdo. Suzana Costa, Fortaleza-CE – jul2019

12- Genial, esclarecedor e estarrecedor. Felipe Muniz Palhano Xavier, Fortaleza-CE – jul2019

> Postagem no Facebook

 


Nosso barquinho de papel

26/06/2019

26jun2019

Temos que tentar, tentar até o fim, nós que, de esquerda ou direita, acreditamos na democracia

NOSSO BARQUINHO DE PAPEL

.
Está em cartaz na Netflix o ótimo documentário político Democracia em Vertigem, da diretora Petra Costa. Veja, é necessário, ainda que lhe provoque náuseas, lágrimas ou raiva. Porque é importante repassarmos os acontecimentos e fazermos a interseção do nosso olhar com outros olhares, a fim de entendermos, ao menos em parte, o que está acontecendo em nosso país.

De Democracia em Vertigem não se pode exigir abrangência histórica, distanciamento crítico ou isenção partidária. Ele é um filme que tem o olhar particular, sensível e honesto de sua diretora, que é de esquerda, e foi feito no calor dos acontecimentos, no meio da vertigem louca desse momento por que passa a sociedade brasileira, e que nos deixa a todos confusos e inseguros.

Focando no impeachment de Dilma Roussef, o filme é um registro da turbulência, feito de dentro de um barquinho de papel a rodopiar na correnteza da hiperdinâmica e imprevisível política brasileira. É esta a mensagem central do filme: o barquinho de papel é a nossa democracia. Infelizmente. Um barquinho que sempre teve suas fragilidades, sim, mas que, após o impeachment de Dilma e com Jair Bolsonaro ao leme, desgovernou-se e está na iminência de afundar.

Talvez possamos salvar nosso barquinho do naufrágio. Para isso, porém, precisaríamos que as instituições democráticas assumissem a responsabilidade que seu nome pede, o que infelizmente não acontece. Mas temos que tentar, tentar até o fim, nós que, de esquerda ou direita, acreditamos na democracia. Antes que chegue o salve-se quem puder.

.
Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

.

DEMOCRACIA EM VERTIGEM (treiler)

.

SAIBA MAIS

Wikipedia

Flávia Guerra entrevista Petra Costa

Luis Nassif entrevista Petra Costa

El País Brasil, por Talita Bedinelli

Jornal da Paraíba, por Pedro Osías

Adoro Cinema, vários comentários

Época, por Fernando Carneiro

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

A dor de um gigante – Lula poderia ter fugido do país e, no exílio, prosseguir sua luta, mas deixou-se ser preso, porque acredita em justiça

O indigno mentecapto – É muito descontrole emocional, incapacidade de lidar com críticas e despreparo para governar

Sobre lutas, sonhos e a grande farsa – Para quem ainda não percebeu, é isso mesmo o que todos somos, meros atores no grande teatro da existência

Golpe de mestre à brasileira – O processo seria custoso e traumático, e provocaria séria desestabilização na democracia, mas melhor isso que suportar mais um governo de esquerda no Brasil

A foto repugnante e o sonho que não pode ser preso – A foto que resume a baixeza moral dos fascistas que querem a morte de Lula

Entrevistando o candidato – Na entrevista, o candidato deverá responder a perguntas feitas pelo povo. Como se sairá?

Jesus e a pecadora do pé de goiaba – Eis que naquela tarde, a caminho de Cafarnaum, Jesus passou embaixo de um pé de goiaba e viu uma mulher lá em cima

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

 


E a cultura resiste

31/05/2019

31mai2019

É o retrato perfeito da nossa cultura a enfrentar a brutalidade desses tempos, em que o fascismo seduz as mentes e desgasta a democracia

E A CULTURA RESISTE

.
Neste domingo 26mai, fazia um clima agradável de outono em São Paulo. Vesti minha camiseta vermelha, porque vermelho é a cor do sangue derramado nas lutas por justiça social, e fui almoçar com minha amiga Marcinha. Na volta para casa, pedi que ela fizesse esta foto. É a fachada da antiga Fnac Pinheiros, em São Paulo. O prédio está fechado há alguns meses, e na calçada, sob a laje, dormem moradores de rua, que ousam sobreviver num mundo onde 1% detém a maior parte das riquezas.

A imagem na fachada, feita pelo Kobra, mostra um Chico sorridente, aquele velho sorriso que tanto amamos. Desbotada, a pintura resiste aos ventos e às chuvas. É o retrato perfeito da nossa cultura a enfrentar a brutalidade desses tempos, em que o fascismo seduz as mentes e desgasta a democracia.

Eles estão no poder. Eles, que desprezam a cultura e ameaçam as instituições democráticas, e têm orgulho da própria ignorância. Eles, que odeiam os grupos sociais vulneráveis, e na calada da noite praticam sua política de higienização, atirando em mendigos. Eles, que idolatram armas, veneram torturadores e menosprezam a educação. É tão irônico: eles creem que seu presidente foi enviado por Deus, mas ele tirou Deus de seu slogan e o substituiu pelos Estados Unidos.

E nós, o que temos? Nós temos Chico Buarque.

.
Ricardo Kelmer 2019 – blogdokelmer.com

.

CHICO BUARQUE é o vencedor do Prêmio Camões 2019, o mais importante da língua portuguesa. O cantor, escritor e compositor brasileiro foi escolhido de forma unânime como o vencedor pelo conjunto de sua obra; trata-se do mais importante prêmio literário dos países de língua portuguesa. > Saiba mais

LITERATURA PARA POPULAÇÃO DE RUA
Meus livretos Versos Safadinhos para Noites Românticas ou Vice-versa (poemas) e Trilha da Vida – Contos do amor doído (contos) fazem parte de um projeto social que criei. Eles custam R$ 5 e as vendas permitem que eu distribua uma parte da tiragem, gratuitamente, entre pessoas que habitam ou trabalham nas ruas, como guardadores de carros, vendedores ambulantes, garis, vigilantes e garçons. Você gostaria de contribuir? Que bom! Por favor, me envia e-mail para rkelmer@gmail.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

O indigno mentecapto – É muito descontrole emocional, incapacidade de lidar com críticas e despreparo para governar

Segredos de famíliaO pai descobriu um terrível segredo de seu filho. E agora, o que pode acontecer com sua carreira política?

Entrevistando o candidatoNa entrevista, o candidato deverá responder a perguntas feitas pelo povo. Como se sairá?

A dor de um gigante – Lula poderia ter fugido do país e, no exílio, prosseguir sua luta, mas deixou-se ser preso, porque acredita em justiça

Sobre lutas, sonhos e a grande farsa – Para quem ainda não percebeu, é isso mesmo o que todos somos, meros atores no grande teatro da existência

Golpe de mestre à brasileira – O processo seria custoso e traumático, e provocaria séria desestabilização na democracia, mas melhor isso que suportar mais um governo de esquerda no Brasil

A foto repugnante e o sonho que não pode ser preso – A foto que resume a baixeza moral dos fascistas que querem a morte de Lula

> mais sobre política

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS

Comentarios01

01- Parabéns pelo texto! Perfeito. Clea Fragoso, mai2019

02- Estamos muito melhor com Chico do que com qualquer deus! E tu estás muito bem! Também vesti vermelho ontem e hoje. 😎 Susana X Mota, Leiria-Portugal – mai2019

03- Texto lindo. Foto fofa e forte e, viva o nosso Chico! Ao menos ele, é nosso! Fabiana Z Azeredo, Fortaleza-CE – mai2019

04- Uia, tu já tá aqui? Eba. Maria Pimentel, São Paulo-SP – mai2019

05- Meu querido Kelmer, sou uma religiosa convicta na justica, no amor e na bondade. Que voce lute sempre, porque a vitoria eh dos que amam e voce eh sincero, justo e lucido e eu creio que Deus esta do seu lado. Ligia Eloy, Lisboa-Portugal – mai2019

06- Viva o Cobra, o Chico e cultura! Viva o Kelmito também👏😍🌷 Marta Pinheiro, Fortaleza-CE – mai2019

07- Parabéns, por levar a cultura para os meios sociais mais vulneráveis. Faço o que posso em favor das pessoas que moram nas ruas. Eudismar Mendes, mai2019

08- Parabéns pelo texto Ricardo! Carol Suletroni, São Paulo-SP – mai2019

09- Texto perfeito! Parabéns. Charles Bluesman, mai2019

10- muita luz na sua estrada. projeto de amor, parabéns. sucesso. Lucirene Facanha, mai2019

11- Essa foto ficou fantástica!! E você como sempre , escrevendo textos maravilhosos . Pra que melhor que Chico , com esse sorriso lindo 😍 Regia Alves, Fortaleza-CE – mai2019

12- E no Rio? Você vem? Lúcia Menezes, Rio de Janeiro-RJ – mai2019

13- Parabéns! Sucesso! Nice Arruda, Fortaleza-CE – mai2019

14- Você, como sempre, genial! Quanto aos facistas, ouçamos o nosso Chico: Amanhã vai ser outro dia! Lana Arrais, Fortaleza-CE – mai2019

15- Sai dessa seus otários, acabou a mamata, tu tá e mofado, igual a essa tua camiseta véia. Kkkkkk. José Madeira, mai2019

16- Verdade então é só fazer aminha que dá tudo certo. F Alves Dos Santos, mai2019

17- Eles passarão!NÓS: eternos passarinhos🐦🎈🌵👏👓 Márcia Matos, mai2019

18- Sucesso✊👏👏👏 Rejane Neves, mai2019


%d blogueiros gostam disto: