Solta o cano que não cai

17/01/2017

17jan2017

Uma marchinha de carnaval que brinca com os vazamentos seletivos que poupam o PSDB

SOLTA O CANO QUE NÃO CAI

.
Velha tradição popular, as marchinhas carnavalescas servem para criticar e debochar, transmitindo o que pensa a população sobre os personagens protegidos pela grande imprensa. A marchinha “Solta o cano que não cai” faz gozação com os vazamentos seletivos que, coincidentemente ou não, sempre poupam determinado partido.

SOLTA O CANO QUE NÃO CAI
(Vitor Velloso e Marcos Frederico)

Mais um dia, mais um vazamento
Segura o cano ou a casa cai
O furico tá na mão
E já não aguento
A pressão está demais

Eu já rezei, pedi pra Cristo
E finalmente achei a solução
Eu arrumei o meu registro
Agora a casa não cai mais não

Solta o cano que não cai
Solta o cano que não cai, meu irmão
Já vai baixar a pressão
Solta o cano que tá tranquilão

.
COM AS CIFRAS

SOLTA O CANO QUE NÃO CAI

Em
Mais um dia mais um vazamento

D7 G
Segura o cano ou a casa cai

F#m7(5b) B7(9b)
O furico tá na mão

Em
E já não aguento

C7 B7
A pressão está demais!

Em
Eu já rezei pedi pra Cristo

D7
E finalmente achei a
G
solução

F#m7(5b) B7(9b) Em
Eu arrumei o meu registro

C7 B7
Agora a casa não cai mais
E B7
não

E Fdim F#m7
Solta o cano que não cai

B7 E
Solta o cano que não cai
E7
Meu irmão

A7M Am6 G#m7 C#7
Já vai baixar a pressão

C7(9) B7(9)
Solta o cano que tá
E
tranquilão

.

Ricardo Kelmer 2014 – blogdokelmer.com

.

.

O BAILE DO PÓ ROYAL
Em 2013 a Polícia Federal apreendeu um helicóptero da família do senador Zezé Perrella (PDT-MG), amigo pessoal e aliado político de Aécio Neves (PSDB-MG). O helicóptero levava meia tonelada de pasta base de cocaína e era abastecido com verba do gabinete do filho do senador, que era deputado estadual. Não tem ninguém preso. É lamentável, mas rendeu uma boa marchinha de carnaval.

.

.

LEIA MAIS NESTE BLOG

AecioNevesEOEstranhoCasoDoPoSemDono-01aAécio Neves e o estranho caso do pó sem dono – Familiares e desembargadores amigos envolvidos com narcotráfico, aeroporto construído com dinheiro público nas terras da família… A coisa não está cheirando bem

Pesquise antes de acreditar – O ideal para a democracia é que esse imenso poder da mídia não se concentre nas mãos de poucos

Democracia e regulação da mídia – A informação é um produto e, como todo mercado, o mercado da informação precisa de regras, caso contrário o grupo que tem mais dinheiro monopolizará a informação, para prejuízo da sociedade em geral

.

Helicoca – O helicóptero de 50 milhões de reais
um documentário que escapou da censura

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

 01- Num cai nem vaza, kkkkkkk. Fernando Vasqs, São Paulo-SP – jan2017

02- Na hora de curtir fiquei na dúvida se colocava carinha de gargalhada de tristeza ou de Grrrrrr!!!!! Aline Cerqueira, Feira de Santana-BA – jan2017

03-


Divina comédia humana

09/01/2017

09jan2017

Um conto inspirado na música de Belchior e no poema de Dante Alighieri

divinacomediahumana-01a

DIVINA COMÉDIA HUMANA
Ou: O amor é uma coisa mais exótica que um conto em terza rima

.
A sombria floresta de Beatriz anunciou-se naquela tarde de sábado, num ponto de ônibus do centro, após ela sair do culto na igreja. Anunciou-se nos olhos do atraente moço de porte atlético que lhe pediu informação. Com simpatia, ela lhe explicou que ônibus deveria tomar, e era o mesmo que ela tomaria, ora veja. E juntos sentaram, ele com sua mochila vermelha, ela com a bíblia ao colo, quase a mão dele em sua mão. Chamava-se Antonio, e Beatriz soube que estudava filosofia, mas gostava mesmo era de ser goleiro, e nos fins de semana jogava por times de bairro, e ela achou isso tão lindo… Ele desceu primeiro, mas antes do ônibus os separar, correu até embaixo da janela e a convidou, Vai me ver jogar amanhã, e ela seguiu o resto do percurso a conversar manhosa com as estrelas, enquanto em seu peito borbulhava a nascente do rio a que chamam os poetas perdição.

Eu te amo, eu te amo, ela disse e repetiu ao ouvido dele, sussurrando baixinho. Lá fora, a última estrela se despedia e o amanhecer clareava aos poucos a suíte do Dante motel. Eu te quero tanto, meu goleirão, ela murmurou, lembrando que horas antes o admirava embaixo das traves, e reparou que, dormindo, ele parecia um anjinho. Beatriz beijou-o nos olhos e agradeceu ao seu deus pela dádiva daquele amor imenso, que surgira num bobo encontro casual, e agora, um ano depois, a instalara definitivamente no céu. Então Antonio se aconchegou e Beatriz sentiu a urgência de seu desejo, e ela nem sabia mais quantas vezes nas últimas horas haviam se amado. Ele a beijou com ardência, depois a virou de costas para ele e aguardou que ela se preparasse, e ela, percebendo vazio o tubo de lubrificante, não teve dúvidas: Ah, vai sem gel.

Um dia Antonio sumiu, simplesmente sumiu, sem deixar um mísero bilhete, sem que houvesse discussão ou algo que pudesse deixá-lo bravo. Só pode ser uma brincadeira, ele sempre gostou de me pregar peças…, Beatriz disse para si mesma, sem encontrar explicação convincente. Mas as semanas se passaram e ele não voltou, e da vida fez-se o limbo, a angustiante espera da definição que não vinha, a existência uma peça suspensa em pleno ato. O que fazer com o amor que tanto dá sentido ao tempo, e depois, de uma hora para outra, parece que disso se arrepende? Era o que pensava quando, pesquisando os sites de futebol de bairro, soube que Antonio jogaria naquele tarde em outra cidade ‒ e para lá Beatriz se mandou. Torceu por ele o jogo inteiro, no alambrado encostadinha, engasgada num choro que ela segurou firme… até vê-lo tomar um gol no fim da partida, e foi exatamente aí que ela entendeu que estava tudo acabado, que a eternidade daquele amor se desmanchara no ar, feito uma estrela cadente.

Na floresta escura dos meses seguintes, sonhava à noite com Antonio, ele jogando e ela torcendo, mas ele sempre olhava para ela no momento errado e, angustiado, tomava o gol. Solidão e desamparo foram suas companhias inseparáveis, e nem as orações na igreja trouxeram luz aos subterrâneos do seu desgraçado ser. Então, na agência lotérica em que trabalhava, no nono subsolo do shopping, ah, e como combinavam com sua alma os subsolos, um dia o sol voltou. Uma antiga amiga de colégio, Carla o nome dela, após receber o troco da mega-sena, a reconheceu: Beatriz, é você? Daí, foi o chope após o expediente, as boas lembranças colegiais revividas com alegria, mais dois chopes, tantas coisas para contar, outro chope ‒ era a velha amizade que retornava. Um mês depois, quando Carla precisou dormir em seu apartamento, e a amizade já cedia espaço aos carinhos e estes à sedução, elas consumaram na cama, abençoadas pela noite estrelada, aquilo que em seus corpos ansiava por acontecer.

Ironias do destino: amigas de colégio, anos sem se ver, e agora lá estão elas tornadas outra vez adolescentes, peles coladas noite e dia, ternamente apaixonadas. Beatriz frita os bolinhos prediletos de Carla, que desenha corações coloridos no caderno de Beatriz, que, da janela do quarto, suspira feliz para as estrelas, recuperada de seu passado sofredor. Porém, naquela noite na igreja, o pastor bradou enfático: A mulher nasceu para o homem, e aquela que desobedece às leis divinas sucumbirá na condenação, para sempre amaldiçoada!!! Ela voltou para casa e buscou dormir, mas as leis divinas não permitiram, e foi assim que abandonou a igreja, trocando-a por outra que a aceitava, a ela e seu pecaminoso amor. E tudo se resolveu, mas só até o dia em que o fantasma do passado ressurgiu na tela do celular: era Antonio, que dizia ter errado, implorava por perdão e pedia encarecidamente um encontro. Assustada, Beatriz desligou, mas ele insistiu e ela teve de explicar que seu amor agora era de outra pessoa, e que ele a esquecesse, por favor.

Bastou aquele telefonema para castigar as certezas de Beatriz, substituindo a paz celestial que Carla trouxera aos seus dias por aquele pesadelo dos demônios. O amor que, ao custo de um mar de lágrimas ferventes, jurava haver esquecido, voltava para lembrá-la daquilo que tão bem ela sabia. Sim, apesar de tudo ainda amava Antonio, sim, e agora a profundidade desse amor vinha assombrá-la num íntimo e cruel confronto. Na semana seguinte, após acordar de uma noite em que não brilharam estrelas em seu céu, Beatriz foi até a cozinha, onde Carla preparava o café, respirou fundo e lhe pediu imensas desculpas por tê-la envolvido nos descaminhos de sua alma tresloucada, sua pobre alma que no amor parecia sofrer de disritmia. A cena é tão melancólica: Carla escutando a tudo em silêncio, e ao fim pegando suas coisas e indo embora, deixando no ar a pesada sombra das palavras que no peito preferiu calar. Na cozinha fica Beatriz, encostada à parede, massacrada pela tristeza de saber que fizera o que devia ser feito, enquanto na mesa o café esfria.

Nossa história bem que podia terminar aqui, com a mocinha, enfim purgada de seus pecados, vivendo com seu amado na bem-aventurança seculum seculorum ‒ mas, ai, ai, é justamente quando julgamos ter a gerência da vida que a própria vida trata de tudo bagunçar. Acertada outra vez com seu adorado goleiro, embalada novamente pela melodia das estrelas, Beatriz, surpresa, vê-se saudosa de tudo que tinha com Carla, e experimenta em si a estranha contradição de saber-se amada e amando, mas… incompleta. Antonio a abraça, compreensivo, e diz que em nenhum momento lhe exigiu exclusividade, e que se ela ainda ama a ex-namorada, ele perfeitamente entenderá. Mas se você me ama, como pode aceitar que eu ame também a outro alguém, perdeu o senso, foi?, ela pergunta, confusa, e ele explica o que aprendeu nos dias em que duelava no inferno contra sua própria possessividade: que só há salvação no amor que liberta. Naquela mesma noite, na igreja, ao ouvir o pastor pregar a fidelidade e a monogamia, Beatriz nem esperou pelo fim do sermão: ergueu-se decidida, pegou de volta o dízimo que deixara na caixinha, saiu e foi até a casa de Carla, e contou-lhe, emocionada, que havia finalmente se libertado e encontrado a iluminação de sua vida inteira. Bem, a história ainda deu umas boas voltas, é vero, mas para encurtar: Carla resistiu, resistiu, mas um dia também encontrou a luz, aleluia!, e semana passada, inclusive, aceitou ir com Beatriz ver Antonio jogar ‒ mas deu-se o direito de não aplaudir suas defesas, porque afinal ela ainda não está tão iluminada, tem que dar um tempo, né?

E assim vão os três, novos atores para essa velha comédia de sucesso chamada amor, onde ouvir as augustas estrelas não garante absolutamente nada, e, como bem nos ensina a terza rima, tudo é eterno enquanto não vem a palavra derradeira.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

SOBRE O CONTO – Foi com este conto que participei do livro Para Belchior com Amor (Miragem Editorial, 2016). A música que o inspirou, do mesmo nome, foi, por sua vez, inspirada no poema Divina Comédia, de Dante Alighieri, que Belchior pretende, ou pretendia, traduzir para o português numa versão mais popular. Para criar meu conto, baseei-me na estrutura temática do poema (Inferno, Purgatório e Céu) e escrevi uma história que fala da salvação-condenação pelo amor, e suas complexidades e contradições. E como o magistral poema de Dante, que é um dos maiores clássicos da literatura ocidental, foi escrito em terza rima, esse entrelaçado e dinâmico sistema rimático criado por ele, impus-me o desafio de fazer o mesmo em meu conto, compondo as rimas com a última palavra de cada um dos períodos gramaticais dos parágrafos. Ignoro se antes alguém já havia feito terza rima com prosa. Não foi fácil, mas gostei da experiência.

SOBRE A IMAGEM – A imagem que ilustra esta postagem é uma reprodução parcial do quadro Os Fantasmas de Paolo e Francesca Aparecem para Dante e Virgílio, de Ary Scheffer (1835). No poema Divina Comédia (Inferno, Canto V) Dante e Virgílio encontram num dos círculos do Inferno o casal  Paolo e Francesca, condenados por seu amor adúltero. Francesca de Rimini e Paolo Malatesta viveram na Itália no sec. 13 e foram assassinados por Gianciotto Malatesta, marido de Francesca e irmão de Paolo, por eles terem se apaixonado um pelo outro.

O ANALISTA – Putz, há tanto o que dizer sobre a letra de Divina Comédia Humana… As referências ao poema de Dante Alighieri são várias, mas há mais coisas. O analista, por exemplo. Ele insiste em desqualificar as relações que não se enquadram nas sagradas regras do amor romântico tradicional. Para ele, a sensualidade e a paixão são negativas. O analista quer nos convencer de que o amor é uma coisa mais profunda que encontros casuais e transas sensuais, e que se não entendermos isso, viveremos insatisfeitos.

Se o analista está certo ou não, é algo a se discutir. Belchior, porém, rejeita ser conduzido por essa lógica racional que enquadra o amor. Ele prefere viver intensamente o que sente no momento, com ardência e paixão, com os céus e infernos inerentes, mesmo que seja breve, mesmo que não seja amor, ou mesmo que seja outro tipo de amor, pois sabe que tudo é transitório, inclusive o sagrado amor romântico tão defendido pelo analista. Belchior diz não às convenções dos sentimentos, ignora as racionalidades analíticas e dessacraliza o amor, e canta sua liberdade de amar ao seu modo profano.

Pensei em escrever para o livro Para Belchior com Amor uma análise dessa letra, mas meu lado ficcionista falou mais alto e achei mais interessante contar uma história, até porque eu queria também homenagear o poema de Dante. Mas que essa letra dá um bom estudo, ah, isso dá.

DIVINA COMÉDIA HUMANA (Belchior)

Estava mais angustiado que um goleiro na hora do gol
Quando você entrou em mim como o sol no quintal
Aí um analista amigo meu
Disse que desse jeito não vou ser feliz direito
Porque o amor é uma coisa mais profunda
Que um encontro casual
Aí um analista amigo meu
Disse que desse jeito não vou viver satisfeito
Porque o amor é uma coisa mais profunda
Que uma transa sensual

Deixando a profundidade de lado
Eu quero é ficar colado à pele dela noite e dia
Fazendo tudo, e de novo dizendo sim à paixão
Morando na filosofia
Eu quero gozar no seu céu
Pode ser no seu inferno
Viver a divina comédia humana onde nada é eterno

Ora, direis, ouvir estrelas, certo perdeste o senso
E eu vos direi, no entanto:
Enquanto houver espaço, corpo, tempo
E algum modo de dizer não
Eu canto

.

DICAS

stelle.com.br – Site criado por Helder da Rocha com material sobre a Divina Comédia, inclusive o texto original e uma versão em prosa, em português, do poema.

Divina Comédia na Wikipedia

.

Divina Comédia Humana
gravação original, álbum Todos os Sentidos (1978)

.

.

parabelchiorcomamorcapa3d-01Para Belchior com Amor

Neste livro, organizado pelo escritor Ricardo Kelmer, o poeta, cantor e compositor cearense Belchior é homenageado por catorze autores conterrâneos, que escreveram contos, crônicas e cartas inspirados em suas músicas, as mesmas que tanto encantaram os mais velhos e continuam a encantar os mais novos. Literatura para celebrar um notável literato. Ele que soube, como poucos, harmonizar música e poesia, e que fez de sua obra e sua vida um intenso canto de amor, liberdade, questionamento e rebeldia. Salve Belchior!

.

OUTROS LIVROS

ICI2011Capa-01fRomance – Contos – Crônicas – Ensaio – Poemas

.

VENDAS
Livrarias, Amazon ou direto com o autor (depósito bancário ou Pag Seguro: cartão e boleto). Impresso e eletrônico.

.

.

.

Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

elalivro10Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

 COMENTÁRIOS
.

01- Excelente! Revejo-me nessa Beatriz, nesse duelo entre a consciência moral cultivada e o chamado do outro lado do espelho, de dentro de si mesma, a ânsia de libertação, mas não o poder fazer. Precisou que Antônio a libertasse…. Ah, safado, e esqueceste-te de mandar o meu livro pelo Felipe! Susana X Mota, Leiria-Portugal – jan2017

02- Conto e livro sensacionais!!!! Caroline de Paula, Garanhuns-PE – jan2017

03- Brilhante, Ricardo Kelmer! Giba C. Carvalho, Recife-PE – jan2017

04- ele estava traduzindo.em 99 encontrei o Belchior no lançamento do CD auto Retrato e perguntei sobre a tradução ele respondeu.Por enquanto estou no inferno!..rsrs. F Moreno Set, São Paulo-SP – jan2017

05- Nao obstante, é meu conto predileto do livro! Ricardo, essa música, em especial, me marcou muito! E você a eternizou em forma literária de uma maneira magnífica. Como não admirar e ser grata? E desde a primeira vez que li, senti que era algo fundamentado e trabalhado. Esse post só só confirmou isso. Vc e Belchior: dois literatos admiráveis! Melissa Fernandes, Alfenas-MG – jan2017

06- li de novo. curti de novo. ❤ a vida traz destas bagunças malukas no meio de tantos presentes e tantas surras! né? é nosso brinde! kkkk bjs querido, volte logo pra fusta! (as cadeiras do serpentina não estão mais nem rosnando, o q dirá latindo!). Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – jan2017

07- Caríssimo RK, fico muito feliz com o sucesso da iniciativa do livro e eventos em homenagem a Belchior. Alto nível e merecida recepção. A versão do dantesco monumento literário é realmente um desafio, mas a arte é uma experiência em diálogo no tempo e no espaço. Redobrados parabéns! Abraço do Leite Jr., Fortaleza-CE – fev2017


Narrador de queima de fogos de réveillon

02/01/2017

02jan2017

Tamo aqui na praia transmitindo ao vivo. Já papocou o primeiro. Pa-pa-pa-pum!!!

narradordequeimadefogos-03

NARRADOR DE QUEIMA DE FOGOS NO RÉVEILLON

.
E começa o espetáculo do ano novo! Tamo aqui transmitindo ao vivo a queima de fogos. Já papocou o primeiro. Pa-pa-pa-pum!!! Eita, que coisa linda, fiquei todo arrupiado. Subiu outro, lá vai, tssssccchhhhhh, chegou lá irriba, pa-pa-pa-poooooouuuuu! Menino, que papoco medonho, até eu me tremi. Ó lá, ó lá o colorido, viiiiiiiixe que coisa doida! Psicodelia toda pura, né não? Essas luzes se espraiando, essas cuspida multicor no breu do céu, parece até que a gente fumou um baseado desse tamanho, né não? Ó lá! Ó lá, ó lá!! Pa-pa-pa-pa-papuuummm!!! Que maravilha do outro mundo! O cerumano cria cada marmota paidégua, né não, diga aí se não é. Lá vai outro subindo, tsssccchhhhhh, eita, que é boniteza demais da conta. Olhali, olhali cumade Fransquinha correndo pra debaixo dos papocos, quem foi que deu cachaça pra essa infeliz, sai daí, condenada, senão esses negócio cai enriba de tu e queima teu cabelo, já pensou a disgraceira, mulher? Pa-poooouuu!!!! Como será que eles fazem essas luzes sair tudo certinha por um buraquim desse tamanhim assim, e formar esses desenhos bem arrumadim, né? Magia, só pode ser. Aproveitando pra mandar um abraço bem apertado pra dona Orestina, lá no Mucuripe, saudade, viu, dona Orestina, qualquer dia apareço pelaí. Pa-puuuuuuuummmmmmmmmmm!!!!!!!!!!!!!!! Aaaii! Eita… esse papocou bem aqui pertim. Vixe, tô mais ouvindo nada. Valha… Gente, fiquei mouco… tô escutando nadinha. Chama o comercial aí, chama logo! Gente, fiquei mouco mesmo, acode aqui…

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

overmeincansaveleosgriloszumbis-01O verme incansável e os grilos zumbis – Ele fará de tudo para conseguir seu objetivo

Meu futuro de popistar cristão – Meus shows seriam superanimados, sempre acompanhados de meu time de ruivinhas cristãs de minissaia, as Noviças Viçosas

Quem poderá me salvar – Heroínas e heróis da minha vida

A celebração da putchéuris – A história fuleragem da Intocáveis Putz Band

Galinha ao molho conjugal – Então fizemos uma aposta. Qual dos três conseguiria resistir mais tempo ao casamento?

Ser mulher não é pra qualquer um – É dada a saída, lá se vai o trenzinho. Num vagão as Belas, abalando nos modelitos, no outro as Madrinhas, abalando com o isopor e o estojinho de primeiro-socorro

Breg Brothers com fígado acebolado – Encher a cara, curtir dor de cotovelo e brindar a todas as vezes em que fomos cornos…

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS

.
01- hahaha ô bicho marmoteiro esse kelmer! Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – dez2016

02- Muito bom, aproveitando para lhe desejar boas passadas deste para o melhor abraço. Marcos Felix, Brasília-DF – dez2016

03- Puuuummm!!!..muito Puuuummm p nós! Shirlene Holanda, São Paulo-SP – dez2016

04- em Janeiro quero meu livro do Belchior ..rs. F Moreno Set, São Paulo-SP – dez2016

05- Feliz Ano Novo ❤ Kelminhoooooooooo 😍 Pah Pou Puh. Andrea Dal Castel, Rio de Janeiro-RJ – dez2016

06- Muito bom Kelmer, esse narrador é a tua cara.kkkkkkk. Vilma de Oliveira, Fortaleza-CE – dez2016

07- Kkkkkkkkk Que 2017 seja de expansão e cada vez mais inspiração e espirituosidade pra tu!!! Mto papoco bom pra sua vida.!!! Feliz Ano Novo!!! Kitah Soares Vitoriosa, Fortaleza-CE – dez2016

08- Muntcho bom. Marcia Soares Fernandes, São Paulo-SP – dez2016

09- aê, kelmer….. por falar em fogos, clica no azul… abrsss… feliz ano novo! Arnaldo Afonso, São Paulo-SP – dez2016

10- Feliz ano novo. Renan Alves, São Paulo-SP – dez2016

11- Tu não tens noção do tanto de pumm pumm pumm de cá! Feliz 2017! Virgínia Ludgero, Lourinhã-Portugal – dez2016

12- Feliz ano novo parceiro. Jose Leite Netto, Fortaleza-CE – dez2016

13- Um ano arretado pra tu, macho rei. Teofilo Lima, Parnaíba-PI – dez2016

14- 2017 já chegou aqui e já seguiu viagem…. Feliz ano novo! Pum! Susana X Mota, Leiria-Portugal – dez2016

15- Kelmim Feliz Ano Novoooo!!! Jessica Giambarba, Fortaleza-CE – dez2016

16- Já disse que os desocupados ainda vão salvar o mundo e você está na linha de frente. 😂😂😂 Elizabeth Holanda, Fortaleza-CE – jan2017

> Postagem no Facebook


As Preciosas do Kelmer – dez2016

31/12/2016

31dez2016

aspreciosasdokelmer201612

.
As Preciosas do Kelmer
é uma revista que criei no Facebook. Ela é feita de dicas e comentários sobre variados assuntos, com ênfase no feminino. A periodicidade é mensal, funciona por meio de uma única postagem que abasteço com subpostagens e os leitores podem comentar a qualquer momento e até sugerir assuntos. Por seu caráter dinâmico e interativo e por construir-se a cada dia, eu diria que é uma revista orgânica. A capa da revista é a própria imagem da postagem.

Meu objetivo com As Preciosas é dar vazão à minha necessidade de comentar fatos do cotidiano. Pra mim, o Facebook é ideal pra isso. Aqui no blog postarei a edição do mês e a atualizarei a partir das atualizações no Facebook, sempre com imagens. Espero que você goste.

> No Facebook (todas as edições)

> No Blog do Kelmer

.

AS PRECIOSAS DO KELMER

Daspreciosasdokelmer201612icas e pitacos para o mês
#51, dez2016
> Esta edição no Facebook

Capa do mês: Amara Moira, brasileira, é doutora em Literatura, escritora, travesti e prostituta.

.

*** DIREITO AO ABORTO: A LUTA NÃO ACABOU

O Supremo Tribunal Federal decidiu que praticar aborto até os três primeiros meses da gestação não é crime. Um passo significativo para os movimentos feministas que há décadas lutam para fazer valer esse direito no Brasil. A decisão esquentou o debate num país em que aumenta o número de parlamentares conservadores e onde o aborto ainda é um tabu. Na mesma noite da decisão do STF, a Câmara dos Deputados mostrou que pretende trabalhar para rever a decisão do Supremo.

Aborto é uma questão de saúde pública, e não de religião. E a decisão final deve caber à mulher. E pronto. > Mais

.

*** A QUEM INTERESSA O DESMONTE DO ENSINO PÚBLICO?

“Uma das “acusações” que se faz ao movimento dos estudantes é que trata-se de uma ação política – ora, convenhamos, trata-se mesmo de uma ação política! É uma reação à proposta do presidente não eleito, Michel Temer, de desmonte do já péssimo sistema educacional público brasileiro – ele, que vem desmantelando, uma a uma, todas as pouquíssimas, mas essenciais conquistas sociais ocorridas nos 14 anos de governo petista.” Luiz Rufatto (El Pais Brasil) > Mais

.

*** MELHOR ATRIZ PORNÔ INTERNACIONAL É PORTUGUESA

Erica Fontes tem 21 anos e apenas três anos de experiência no ramo dos filmes pornôs. Este ano ela conquistou o prêmio de melhor artista internacional, nos prêmios XBIZ. O evento é realizado desde 2003 e Erica é a primeira portuguesa a conquistar o prêmio. E ela quer mais. Viva Portugal! > Mais

.

*** SARAU, LUAU E O ESCAMBAU

arnaldoafonso201508-02Arnaldo Afonso é um amigo querido, que conheci graças ao Sarau da Maria, do qual ele é um dos organizadores. Muitas coisas nos unem, como a literatura, a boemia e a música de Belchior. Jornalista de texto suave, mas sem descuidar da crítica, ele tem uma coluna no jornal O Estado de São Paulo chamada Sarau, Luau e o Escambau, em que conta sobre a produção artística que faz das suas pelaí, longe dos holofotes da indústria cultural. Recomendooo. > Mais

.

*** COMO ASSIM A PREVIDÊNCIA SOCIAL NÃO É DEFICITÁRIA?

A mídia repete tanto, mas tanto, que a Previdência Social é deficitária, que isso vira verdade absoluta, quase um dogma, e nós saímos repetindo por aí. Porém, há vários especialistas que afirmam, e mostram números, que não há défict, mas um mau gerenciamento dos recursos. Eles apontam, por exemplo, que em vez de apenas sobrecarregar o trabalhador fazendo-o trabalhar mais e receber menos, o governo deveria cobrar a dívida bilionária que várias empresas têm com o INSS e rever a contribuição paga pelos empresários do agronegócio. > Mais

.

*** MACHISMO FAZ HOMENS SE SUICIDAREM MAIS QUE MULHERES

Obviamente, a cultura machista penaliza muito mais às mulheres. Porém, os homens também pagam caro por viveram numa sociedade em que não devem demonstrar fraqueza ou sensibilidade, e têm que ser infalíveis e vitoriosos a qualquer custo. Infelizmente o custo muitas vezes é a doença e a morte. > Mais

.

*** ESSES DEUSES QUE ADORAM NASCER EM 25 DE DEZEMBRO

A história dos deuses solares, como Jesus, Mitra e outros que os precederam, é baseada na importância do Sol para a vida no planeta. Um fator de forte inspiração na criação desses mitos é o percurso do Sol pelo céu. No hemisfério norte, em 22 de dezembro, a trajetória solar atinge seu ponto mais baixo no horizonte. É o solstício de inverno. Por três dias, o Sol fica parado, parece que morreu.

Nesse dia 22 de dezembro, bem próximo estão as estrelas da Crux (que na Antiguidade eram mais visíveis que hoje no hemisfério norte por conta do movimento de precessão e do eixo inclinado do planeta). Ou seja: o Sol morreu na cruz. Então, em 25 de dezembro, como por mágica, ele volta a se mover, trazendo luz e a esperança de vida em meio ao frio do inverno. Ao retornar, o Sol fica alinhado com a estrela mais brilhante no céu, Sirius, que por sua vez está alinhada com as Três Marias, que parecem segui-lo.

É por isso que tantos deuses nascem em 25 de dezembro, as estrelas anunciam o fato, eles morrem crucificados e ressuscitam no terceiro dia.

Independente do deus em que você acredita, ou se não acredita, desejo-lhe boas festas e um feliz ano novo, cheio de sol e de vida. Não é uma mensagem muito original, eu sei, mas se até aos deuses às vezes lhes falta criatividade, acho que tô perdoado. > Mais

.

*** TRANSFEMINISMO E PROSTITUIÇÃO

Travesti, prostituta e doutoranda em Literatura. Ela é Amara Moira. E em 2016 lançou o livro “E se eu fosse puta”, onde conta como ocorreu seu processo de transição de gênero e narra seu cotidiano como prostituta em Campinas-SP.

Discutir feminismo não é fácil, inclusive porque existem vários feminismos, com suas eternas discordâncias. Há feminismos, por exemplo, que não aceitam e têm verdadeiro horror ao transfeminismo (que foca na questão da mudança de gênero). Para esses feminismos, mulher é só aquela que nasceu com buceta e pronto.

Agora, imagine discutir transfeminismo no âmbito da prostituição, que é um dos grandes tabus de nossa sociedade e é outro ponto de eterna discordância entre os feminismos? Poizé. Amara Moira resolveu mexer nesse vespeiro. Será crucificada por muitos, e por muitas feministas também. Mas é assim que uma sociedade democrática avança, graças à coragem de pessoas como ela. > Mais

.

*** OS FILMES BRASILEIROS MAIS VISTOS DE 2016

filmeoshaolindosertao-01Veja quais foram os filmes brasileiros mais vistos nas salas de cinema. Bem, “mais vistos” talvez não seja o melhor termo, pois o vencedor da lista , o religioso Os Dez Mandamentos, baseado na novela homônima da Record, vendeu uma avalanche de 11 milhões de ingressos, mas o milagre só aconteceu porque boa parte foi comprada pela Igreja Universal, e o resultado foram salas com ingressos esgotados mas… vazias.

O polêmico Aquarius, do diretor Kleber Mendonça Filho, que já recebeu alguns prêmios no exterior, foi visto por 352 mil pessoas, e Sônia Braga está cotada para ser indicada ao Oscar de melhor atriz. Outro destaque foi O Shaolin do Serrtão, de Halder Gomes, que distribuído em apenas 62 salas, teve 572 mil espectadores. É a força da molecagem cearense. > Mais

.

*** MULHERES INSPIRADORAS DE 2016

Nathali Macedo, colunista do Diário do Centro Mundo, selecionou 23 mulheres que a inspiraram neste ano que termina. E você? Que mulheres te inspiraram? > Mais

.

*** SONECA PERIGOSA

Criança de 6 anos compra 250 dólares em brinquedos usando o dedo da mãe, que dormia, para desbloquear celular. Vai aumentar a venda de luvas. > Mais

.

.

AS PRECIOSAS DO KELMER

aspreciosasdokelmer201612> Esta edição no Facebook
> No Blog do Kelmer

.

.

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

 



Luiz Carlos Ruas, um herói

27/12/2016

27dez2016

Homenagem a um homem que morreu por ousar defender uma travesti

luizcarlosruasambulante-01a

LUIZ CARLOS RUAS, UM HERÓI

.
Amou daquela vez como se fosse a última
Defendendo travesti do ódio homofóbico
Dos monstros que matam pela lei do bíceps
Espancaram um senhor em frente às câmeras
E a segurança do metrô em sua ausência cúmplice
Pagou com a própria vida por amar o próximo
E amargou nosso Natal com sua morte pública
Era só um ambulante que enfeiava o trânsito
Hoje é um negro pobre em manchete efêmera
Mas o crime será comemorado em júbilo
Pelos que apoiam medidas profiláticas
Para limpar a cidade desses não fotogênicos
Que envergonham nossos melhores índices
Que lutam por cotas, vejam que ridículo
Que vendem prazer em seu corpo herético
Que estragam o passeio com as suas pústulas
Morreu na contramão de uma cultura bélica.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

> MAIS POEMAS

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

01- teu texto é um belíssimo retrato de uma realidade horrenda, meu querido. Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – dez2016

02- Lamentável. Marcinha Rodrigues, Fortaleza-CE – dez2016

03- Terrível e lamentável…. Susana X Mota, Leiria-Portugal – dez2016

04- 1500 – 2016. Rogers Tabosa, Fortaleza-CE – dez2016

05- Qual a pena para esse crime? Será que vai aparecer um advogado “pago” para defende-los? Os 2 são vítimas da sociedade? Aderbal Nogueira, Fortaleza-CE – dez2016

06- Nossa poesia se faz necessária. Triste realidade narcisista. O indivíduo individual. Agora vão carregar o carma de uma morte! Gosto muito de seu pensar transcrito em palavras!!! Sandra Samm, Fortaleza-CE – dez2016

07- Um filme tão comum….Incomum é a lei se preocupar com isso. Darc Maia, São Paulo-SP – dez2016

08- Ah quanto dor nós humanos causamos. Fátima Abreu, Fortaleza-CE – dez2016

09- Medieval. Moacir Bedê, Fortaleza-CE – dez2016

10- Rapaz, a ruma de gente olhando! Cecília Bedê, Fortaleza-CE – dez2016

11- Meu Deus e ninguem fez nada??? Anna Bracaiol – dez2016

12- Moacir Bedê definiu muito bem em apenas uma palavra! Discordo quando dizem que o mundo ta perdido, pior de se viver. Se compararmos com tempos antigos havia uma muito maior banalização da vida! Hoje as pessoas têm muito mais direitos, animais tem seus direitos! Há uma muito maior preocupação com o outro, a solidariedade é muito maior. Claro que ainda há casos absurdos de violação de direitos, de banalização da vida, são os malucos que ainda não conseguiram sair da idade média – como disse Bedê. Esses casos geram revolta em muita gente de bem, isso porque hoje existem muito mais pessoas de bem que antes. Há muito mais pessoas de bem que malucos como esses! O mundo esta sim evoluindo e as pessoas se afinando, embora uns estejam demorando mais a entender a verdadeira essência da vida. Marcio Andre, Fortaleza-CE – dez2016

13- Muito triste ainda presenciarmos estas realidades. Que não nos acostumemos nunca com isto… Aline Cerqueira, Fortaleza-CE – dez2016

14- Aterrorizante essa banalização da vida!!! Essa bestialidade tá ficando fora de controle. É preciso cuidar da Alma!!! 😦 Kitah Soares Vitoriosa, Fortaleza-CE – dez2016

15- Tudo na contramão …. Cecilia Eckmann Oliveira, Fortaleza-CE – dez2016

16- Triste! Celina Bezerra, Fortaleza-CE – dez2016

17- Triste realidade. Pior q aqui no brasil, o que vale é o dinheiro, pagou fiança, está solto. Um crime desse, era no minimo, 30 anos na cadeia. N sair nem por bom comportamento… Que a alma desse senhor, esteja em um bom lugar… Kel Silva, Salvador-BA – dez2016

18- Absurdo o que se tornou a humanidade. Valeska Pequeno, Fortaleza-CE – dez2016

19- “Só” mais outro “índio” massacrado publicamente? 😢😢😢😢😢 Ivonesete Zete, Fortaleza-CE – dez2016

20- Há que se temer, esses tempos sombrios. Mau gosto, preconceito, intolerância, intransigência, desrespeito e principalmente violência. A partir do impeachment da Dilma, a tendência é piorar.
Joaquim Ernesto, Fortaleza-CE – dez2016

21- Mais um ponto para a nossa distorcida o̸l̸i̸g̸a̸r̸q̸u̸i̸a̸ “meritocracia” branca-burguesa-homofóbica, mas pode chamar de neonazi. Temos muito o que Temer. Lázaro Freire, São Paulo-SP – dez2016

22- Sobre seu texto: 👏👏👏👏 Andrea Ramos Nogueira, Fortaleza-CE – dez2016

23- Foi horrivel.Que maldade. Vilma de Oliveira, Fortaleza-CE – dez2016

24- O Luís Carlos , um verdadeiro herói , ambulante que deu a vida pra defender duas travestis de dois homofóbicos, antes de ontem no metrô de São Paulo. Maria Carvalho, Santo André-SP – dez2016

25- Muito bom!! Pedro Machado, Fortaleza-CE – dez2016

26- Para sempre, os miseráveis!!! Mariza Luz Moura, São Sebastião-SP – dez2016

27- Não consegui ver o vídeo. Um horror! 😪😱 Ana Lucia Castelo, Nova York – dez2016

RK: Os assassinos deram claramente seu recado: Quem defende travesti, morre. (dez2016)

28- Passei mal com tamanha monstruosidade. Sara Rebeca CLima, Fortaleza-CE – dez2016

29- Homofobia mata. Nagia Costa, Fortaleza-CE – dez2016

30- degradante!! Márcia Matos, Fortaleza-CE – dez2016

31- Com os devidos pêsames aos parentes e amigos do Luis Carlos, mas gostaria de sugerir ao Kelmer um outro texto, outro foco. Quem são essas pessoas que andam cometendo crimes dessa natureza? Alguém os protege? A Lei está sendo branda com esses movimentos? Por que a mídia em geral não se aprofunda sobre o assunto? André Marinho Marinho, Fortaleza-CE – dez2016

32- “O mundo está o contrário e ninguém reparou…” Lílian Martins, Fortaleza-CE – dez2016

33- Belíssima homenagem. Que seja bastante compartilhada. Vitor Casimiro, Fortaleza-CE – dez2016

34- Mundo estranhíssimo mundo. Carlinhos Perdigão, Fortaleza-CE – dez2016

35- Isso me faz tremer por dentro. Dhara Bastos, Fortaleza-CE – dez2016

36- 👏👏👏 Vania Lima, São Paulo-SP – dez2016

37- 👏👏👏 Edna Mello, Fortaleza-CE – dez2016

38- No que diz respeito a esses dois criminosos transfigurados de bons moços e em momentos de extravasamento de suas fúrias, me atrevo a dizer: Nada mais e nada menos que um reflexo do interior e mentalidade de boa parte dos doentes que se acham os bons, melhores, sãos, invencíveis, mais fortes, valentes, bravos, corajosos, puros, limpos, perfeitos, superiores e por fim, o modelo de humano e cidadão brasileiro. O ser superior brasileiro! E são esses dois seres que estão ai representando e muito o sistema político, jurídico e ideológico não só do Brasil, mas do sistema do mundo como um todo, governado e controlado por uma minoria altamente violenta e sem escrúpulos algum, pois, até as leis são geridas, controladas e aplicadas por eles e sobre os seus produtos/seres construídos socialmente no seio das sociedades mundiais, como esse fato aqui em discussão. Enfim, os dois indivíduos, criminosos e perigosos ai em tela, cedo cedo estarão andando por ai e exalando o ar da prepotência dos seus atos e a virilidade de sua brutal e violenta capacidade de ser e fazer no meio dos humanos. Náufrago Mbd, Rio de Janeiro-RJ – dez2016

39- Desconstrução. Jorge Nagao, São Paulo-SP – dez2016

40- Sim. Um herói. Veronica Guedes, Fortaleza-CE – dez2016

41- Esses tipinhos de academia vemos toda hora nas ruas, gente muito vazia e não falta companhia p/ eles, estão sempre rodeados de gente mais vazia ainda! Mulheres não lhes falta, não faltam as mães achando eles lindos! Pais orgulhosos pq são ou parecem machos, assim fica difícil fazer com que eles não vejam o lixo humano que são, esses sim são vítimas da sociedade! São a cara da degradação humana e sinceramente, em qualquer lugar do mundo a injustiça está invadindo ruas e lares, a falta de bom censo não é um defeito brasileiro, é mundial! E isso me deixa sufocada pq um dia pensei em fugir, mas p/ onde? Marie Mariezinha, Fortaleza-CE – dez2016

42- Falta de Deus, oração nesse mundo vai. Tina Holanda, Fortaleza-CE – dez2016

43- Não existem palavras que possam descrever uma barbaridade destas. Torna-se mais grave se levarmos em conta que estamos no século XXI, cheios de informação, de liberdade de expressão, de definição de direitos e deveres, no entanto ainda, e talvez nem ainda, mas agora, surgem criminosos ignorantes e cruéis, movidos pelos mais torpes motivos. Um crime hediondo! Ligia Eloy, Lisboa-Portugal – dez2016

44- Dois monstros…Sem amor próprio. Sandroka Cavalcante, São Paulo-SP – dez2016

45- Lugar de monstros é na cadeia…mas sem saidinhas ou condicional …..merecia perpétua com trabalho forçado para pagar a estadia na prisão e a gente de bem não ter que bancar assassinos monstros racistas. Welia Pinho Ferraro, Fortaleza-CE – dez2016

46- tinham que linxar esses dois fdp na cadeia. Marco Antonio Françozo, Três Corações-MG – dez2016

47- Muito triste. Tânia Mary, Fortaleza-CE – dez2016

RK: Discordo de quem defende que os assassinos sejam linchados ou mortos na cadeia. Defender isso seria igualar-se em crueldade a eles. Que sejam presos e paguem pelo que fizeram, dentro da lei. E discordo de quem diz que o crime é resultado da falta de Deus. Parte da culpa desses crimes hediondos é dos líderes religiosos que em suas pregações demonizam minorias como homossexuais e travestis e envenenam de ódio a mente dos fiéis, e de políticos que tentam impor a todos as leis de seus deuses racistas, misóginos e homofóbicos. O problema não é ausência de Deus, é ausência de valores morais ligados à aceitação do diferente, e isso nada tem a ver com religião. (dez2016)

48- O quê mais me aborrece em tudo isso, é o advogado defensor daqueles monstros. Tentar explicar o inexplicável… Selma Ferreira, Goiânia-GO – dez2016

49- Isso foi um dos milhares assassinados. Milza Gama, Fortaleza-CE – dez2016

50- Esse sim,foi um verdadeiro cristão,deu a vida pelo próximo. Andréa Damasceno, Fortaleza-CE – dez2016

51- Triste demais!!!! Desolador! Desesperador!!! Fabíola Líper, Fortaleza-CE – dez2016

52- Muito triste 😭 e mais ainda, pois a justiça brasileira vai já já absorver. Socorro Alves, Fortaleza-CE – dez2016

53- Tristes tempos… Kelzen Herbet, Fortaleza-CE – dez2016

54- Então vamos fazer nossa parte. Serão assassinos até o último dia de suas existências. Vamos relembrar este assassinato a cada aniversário de nascimento de cada um deles e da vítima. E lembrar também do dia que mataram um ser humano por puro prazer. Marcus Monteiro, Fortaleza-CE – dez2016

55- Luiz. Sua alma é só luz. Celsinho Lemos, São Paulo-SP – dez2016

56- Não são homens os assassinos de Luiz Carlos Ruas, o Índio. São vermes. Vermes. Su da Silva Rosa, São Paulo-SP – dez2016

57- Um herói. Felipe Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

58- Triste realidade. Pior que aqui no brasil, o que vale é o dinheiro, pagou fiança, está solto. Um crime desse, era no mínimo 30 anos na cadeia. Não sair nem por bom comportamento… Que a alma desse senhor, esteja em um bom lugar. Ferlany Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

59- Um absurdo tanta violencia gratuita, esses caras são uns montros eu com 14 anos fui perseguida por um grupo desses insanos por pouco não nos pegaram, so por Deus viver nesse mundo com tanta violêcia e covardia. Isabel Souza Santos, São Paulo-SP – dez2016

60- Morreu e alguns não se importam. Faz parte dos heróis anônimos, guerreiros do dia a dia. Daqui três dias sairá seu gesto das páginas. Será um número percentual. Fará parte das estatísticas que aumentam cada vez mais, enquanto o Ministério Golpista da Justiça, guardião do PCC, tenta endurecer contra os fumadores de maconha. Triste Brasil… Raul Meneleu Mascarenhas, Caiçara do Rio do Vento-RN – dez2016

61- Essa foi uma das piores notícias que eu ja vi na vida ainda mais em dia de Natal. S;ave Herói. ONDE ESTA A SEGURANCA DO METRO? que cobra tao cara uma passagem e permite que aconteça uma atrocidade dessas? Patricia Romiti, São Paulo-SP – dez2016

62- Em que mundo estamos vivendo? Indignada com tanta violência! Deysa Di Morais, São Paulo-SP – dez2016

63- Pois é…não conseguem admitir seus próprios impulsos…seus desejos, que são insuportáveis para eles, não conseguem ter a coragem desse travesti…..se transformam nesses monstros assassinos!…tristeza!… Lorena Lopes, Fortaleza-CE – dez2016

> Postagem no Facebook


Esses deuses que adoram nascer em 25 de dezembro

22/12/2016

22dez2016

Como todo deus solar, a história desses deuses é baseada na importância do Sol para a vida no planeta, especialmente em seu percurso pelo céu

essesdeusesqueadoramnascer-01a

ESSES DEUSES QUE ADORAM NASCER EM 25 DE DEZEMBRO

.
A história dos deuses solares, como Jesus, Mitra e outros que os precederam, é baseada na importância do Sol para a vida no planeta. Um fator de forte inspiração na criação desses mitos é o percurso do Sol pelo céu.

No hemisfério norte, em 22 de dezembro, a trajetória solar atinge seu ponto mais baixo no horizonte. É o solstício de inverno. Por três dias, o Sol fica parado, parece que morreu. Nesse dia 22 de dezembro, bem próximo estão as estrelas da Crux (que na Antiguidade eram mais visíveis que hoje no hemisfério norte por conta do movimento de precessão e do eixo inclinado do planeta). Ou seja: o Sol morreu na cruz. Então, em 25 de dezembro, como por mágica, ele volta a se mover, trazendo luz e a esperança de vida em meio ao frio do inverno. Ao retornar, o Sol fica alinhado com a estrela mais brilhante no céu, Sirius, que por sua vez está alinhada com as Três Marias, que parecem segui-lo.

É por isso que tantos deuses nascem em 25 de dezembro, as estrelas anunciam o fato, eles morrem crucificados e ressuscitam no terceiro dia.

Independente do deus em que você acredita, ou se não acredita, desejo-lhe boas festas e um feliz ano novo, cheio de sol e de vida. Não é uma mensagem muito original, eu sei, mas se até aos deuses às vezes lhes falta criatividade, acho que tô perdoado.

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

MATRIX, PSICOLOGIA E MITOLOGIA NO LIVRO:

Matrix2012Capa14x21aMatrix e o Despertar do Herói
A jornada mítica de autorrealização em Matrix e em nossas vidas

Analisando o filme Matrix pela ótica da mitologia e da psicologia do inconsciente e usando uma linguagem simples e descontraída, RK compara a aventura de Neo ao processo de autorrealização que todos vivem em suas próprias vidas.

.

.

.
LEIA NESTE BLOG

Blade Runner: Deuses, humanos e androides na berlinda – Como todo ser, o criador busca sempre transcender a sua própria condição e é criando que ele faz isso.

A cruz da paixão – O crescimento só virá se o ego se entregar ao sacrifício da paixão, mandando Judas fazer logo a sua parte e aceitando o sofrimento inerente ao processo

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer
 (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

01- adorei! feliz 2017 pra vc! :*. Juliana Melo, Fortaleza-CE – dez2016

02- O nosso Natal, hoje tido como uma festa “cristã”, na verdade, tem origem em cultos Pagãos, realizados com base nos ciclos da natureza, no caso, o solstício de Inverno. Valdenes Costa de Vasconcelos, Fortaleza-CE – dez2016

03- É como diria Juliana Melo, ficou bonito! Magna Mastroianni Feliz tudo Rica. Saudades mlk! Magna Mastroianni, Londrina-PR – dez2016

04- Deu um pouquinho de saudade dos seus tempos de místico, Ricardo Kelmer? Rsrs. Abraço, irmão. Feliz Natal e ano novo!! Fauhber Pinheiro, Fortaleza-CE – dez2016

05- Jesus nasceu no signo de Peixes, não lembro agora o dia, seria impossível a história do nascimento em uma estrebaria, quase ao relento, em pleno inverno lá. Felizes Festas. Marialucia da Silveira, Campinas-SP – dez2016

06- Felicidades e sucesso, Ricardo. Lia Rocha, Fortaleza-CE – dez2016

07- Outro dia assisti um documentário fantástico sobre o cristianismo, deuses… e achei muito interessante quando o pesquisador falou que cristo não havia nascido de uma virgem, esse foi um detalhe ressaltado pele igreja católica muitos anos depois. Cristo, assim como os outros deuses nascidos na mesma data, haviam nascido de mulheres que nunca haviam sido subjugadas 😉 Não “Maria, a Imaculada” mas Maria, A Livre! Essa fez mais sentido para mim ❤ Feliz Natal, poeta! E grata por mais um texto maravilhoso! Mara Monteiro,

08- Adorei esses deuses… Marcia Soares Fernandes, São Paulo-SP – dez2016

09- adorei saber disso kelmer! vi no doc aquele, “zeit geist” (algo assim). desde então acho muita graça quando pessoas muito “cristãs”, q engolem uma ruma de dogma esquisito, falam que “acreditar” em astrologia é ridículo e tal. eu digo é VALHA. kkkk. Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – dez2016

10- Muuitos e bons projetos em 2017! Alegria e amor! Bjooooo. Ana Karla Dubiela, Fortaleza-CE – dez2016

11- q ótimo!… rsrsrs…… abração! Arnaldo Afonso, São Paulo-SP – dez2016

12- ok.perdoado.q o sol te ilumine muictho p aguentar o inverno cearense. Mauricio Centrone Ferreira, Santiago-Chile – dez2016

14- Rafa Moreira Massa Primo!!!!!
Vi essa história bem descrita no doc. ZIETGUEST – THE MOVIE.
HO HO HO pra tu também.
Curtir · Responder · 1 · 2 h
João Guy Almeida
15- João Guy Almeida Duvida que não quer calar.
O Cruzeiro do Sul, pode ser visto do Hemisfério Norte ?

16-

 

> Postagem no Facebook


Valeu a pena?

15/12/2016

15dez2016

Não, dessa vez você não baterá panela. Sei disso porque ainda reluz em seus olhos um resto de feliz embriaguez por ter tirado o PT do poder

valeuapena-01a

VALEU A PENA?

.
Como você se sente agora? Você que bateu panela, vestiu camisa da CBF e gritou Fora Dilma. Sente-se bem agora que é mais que visível que o impeachment foi uma trama suja, mas com aparência legal, feita para expulsar uma presidenta que não aceitava negociar com um Congresso cheio de bandidos e um STF cínico e acovardado, e que por isso não conseguia governar?

Lembra daquele pato amarelo que você seguiu nas ruas? Foi ele quem patrocinou esse ajuste fiscal que, num país cujo maior problema é e sempre foi a desigualdade social, penalizará os mais pobres ao sacrificar saúde, educação e salário mínimo. E seus filhos, você terá a franqueza de lhes dizer que seus panelaços ajudaram a criar uma Previdência Social que só beneficia às empresas de previdência privada e poupa as grandes empresas sonegadoras, e que desde já prejudica o futuro deles próprios, seus filhos? Me diz sinceramente, como você se sente?

Primeiro tiramos Dilma e depois vemos o que fazer. Você pensava assim, estou certo? Porém, foram muitos os avisos de que um impeachment no mínimo bastante suspeito e conduzido por bandidos causaria um sério retrocesso na democracia, além do quê poderia trazer uma ruptura institucional e a quebra de confiança generalizada nos poderes da República. Mas naqueles dias você estava inebriado pela promessa de felicidade que a grande mídia lhe vendia diariamente, ela que não apoia governos de esquerda porque sabe que eles são um perigo para seus sagrados privilégios. A mesma mídia que hoje esconde de você os graves problemas do governo de Michel Temer e minimiza seus escândalos de corrupção. Mas contra isso você não sai às ruas. Por quê? Porque não é contra o PT. Estou certo?

E agora o próprio Michel Temer está envolvido nos escândalos e corre o risco de ser impinchado. Com isso, os mesmos bandidos que derrubaram Dilma Rousseff por um golpe parlamentar elegerão eles próprios o próximo presidente do país tudo que eles queriam. Os mesmíssimos bandidos contra quem pesam dezenas de processos judiciais e que querem barrar a Lava Jato. Isso merece bateção de panela, não acha?

Não, dessa vez você não baterá panela. Sei disso porque ainda reluz em seus olhos um resto de feliz embriaguez por ter arrancado o PT do poder, ainda que reconheça que a corrupção é generalizada. Talvez você, guiado pelo extremismo suicida de sua lógica antipetista, considere que, apesar da situação calamitosa gerada pelo impeachment, e que pode descambar para a convulsão social, expulsar Dilma foi o melhor para o país, não importando o custo.

Mas, sinceramente? Quer saber? Eu acho que, na verdade, você sabe mas não pode admitir que, sim, você apoiou uma grande farsa, pela qual todos pagaremos muito caro, com exceção, é claro, daquele um por cento que detém metade da riqueza do país, odeia as palavras “conquistas sociais” quando vêm juntas e que agora ri disso tudo. Sinceramente? Acho que sua felicidade pelo impeachment de Dilma é uma arma quente, pegando fogo, e agora a queimadura que arde em suas mãos é uma pergunta insistente que você não quer ouvir: Valeu a pena?

.
Ricardo Kelmer 2016 – blogdokelmer.com

.

.

LEIA NESTE BLOG

golpedemestreabrasileira-01aGolpe de mestre à brasileira – O processo seria custoso e traumático, e provocaria séria desestabilização na democracia, mas melhor isso que suportar mais um governo de esquerda no Brasil 

Sobre lutas, sonhos e a grande farsa – Para quem ainda não percebeu, é isso mesmo o que todos somos, meros atores no grande teatro da existência

O protesto da babá negra – Talvez ela saiba que quando um governo tem como objetivo a equidade social e a redistribuição da riqueza do país, automaticamente atrai o ódio das elites econômicas, que lutarão para manter seus privilégios

Democracia e regulação da mídia – A informação é um produto e, como todo mercado, o mercado da informação precisa de regras, caso contrário o grupo que tem mais dinheiro monopolizará a informação, para prejuízo da sociedade em geral

Roubalheiras, desigualdade social e o reconhecimento popular – Se hoje o povo usa essa lógica para manter o PT no poder, o motivo reside justamente na histórica insensibilidade, ou incapacidade, dos outros governos perante as necessidades mais urgentes do povo

Acabou a paciência – Cada um que protesta traz em si a frustração acumulada de tantas gerações por trabalhar dia após dia por um sistema econômico que finge querer o bem de todos mas concentra a renda

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

01- Sugiro aos que apoiaram o golpe: #sejahumilde errei, mas vou repensar! Jacques Martins Antunes, Fortaleza-CE – dez2016

02- tem nem perigo deles aceitarem. esses coxinhas não tem um pingo de vergonha na cara, são zumbis da mídia e ladrões de votos. NOJO dessa gentalha. Moacir Bedê, Fortaleza-CE – dez2016

03- Também me esforço para compreender essa lógica cega e odiosa antipetista. Jessica Giambarba, Fortaleza-CE – dez2016

04- Verdade companheiro !!! Jeilson Silva, Aracaju-SE – dez2016

05- Disse tudo, parceiro. Joaquim Ernesto, Fortaleza-CE – dez2016

06- Leiam e decidam o que fazer. Ana Maria Rodrigues, Rio de Janeiro-RJ – dez2016

07- Valeu a pena? Bruno Barros, Fortaleza-CE – dez2016

08- Falou e DISSE 👊👊👊 Andrea Dal Castel, Rio de Janeiro-RJ – dez2016

09- Uma das melhores, mais precisas e mais claras análises q já li. LEIA E REFLITA. Régia Costa, Fortaleza-CE – dez2016

10- Sabe o que merecem: que fiquem todos fodidos os que bateram panelas. Maria Evandira Sombra, Fortaleza-CE – dez2016

11- Isto mesmo. Priscila Morato, Vila Muriqui-RJ – dez2016

12- Agora vc que bateu panela não se esqueça que vc lutou por esta situação criminosa e covardes. Leni Fonseca, Divinópolis-MG – dez2016

13- Concordo com tudo que foi dito no texto! Fatima Macedo, Barra do Corda-MA – dez2016

14- Belo texto Ricardo. Deveria escrever mais sobre este momento negro que estamos vivendo. Compartilhando… Fath Fernandes, Fortaleza-CE – dez2016

15- NUNCA esperei NADA de positivo de alguém que era cúmplice de um projeto criminoso de poder, tal como o Conde Drácula. Nada do que está acontecendo no Brasil me surpreende, pois estamos pagando o preço elevado de uma escolha equivocada no passado. Por sinal, as outras opções eram igualmente deploráveis: Aécio NEVER, Marina Zombie etc. Fernando Filgueiras, Fortaleza-CE – dez2016

16- Bando de covardes esses que apoiaram o golpe, e agora ficam calados, agora sim que eles teriam que ir à ruas bater suas panelas. Judas Tadeu Pimenta, Jussara-GO – dez2016

17-  Verdade! Denilda Xavier, Irará-BA – dez2016

18- Será que valeu? Lulu Zinha, Várzea Grande-MT – dez2016

19- Certamente não vão reconhecer, está recôndito o preconceito… misoginia, machismo, e valores burgueses. Vera Helena Sanchis Alberich Guarani-Caiowá, São Paulo-SP – dez2016

20- Muitos não foram bater panelas, mas ficavam TORCENDO COMO INSANDECIDOS para a saída da Dilma e do PT, mas não reconhecerão que erraram, devido a grandiosidade de seu ORGULHO !!!! TROUXINHAS KKKKKKKK. Adelia Maria Dos Santos, Nova Iguaçu-RJ – dez2016

21- Ótimo texto! Celia Sporrer, Fortaleza-CE – dez2016

22-  é isso aí, meu querido. pena q o ódio antipetista cegue tanto a ponto dos coxinhas nem verem a 💩 q fizeram… Clarisse Ilgenfritz, Fortaleza-CE – dez2016

> Postagem no Facebook


%d blogueiros gostam disto: