As Preciosas do Kelmer – mai2016

31mai2016

AsPreciosasDoKelmer201605

.
As Preciosas do Kelmer
é uma revista que criei no Facebook. Ela é feita de dicas e comentários sobre variados assuntos. A periodicidade é mensal, funciona por meio de uma única postagem que abasteço com subpostagens e os leitores podem comentar a qualquer momento e até sugerir assuntos. Por seu caráter dinâmico e interativo e por construir-se a cada dia, eu diria que é uma revista orgânica. A capa da revista é a própria imagem da postagem, que sempre trará imagens femininas.

Meu objetivo com As Preciosas é dar vazão à minha necessidade de comentar fatos do cotidiano. Pra mim o Facebook é ideal pra isso. Aqui no blog postarei a edição do mês e a atualizarei a partir das atualizações no Facebook, sempre com imagens. Espero que você goste.

> No Facebook (todas as edições)

> No Blog do Kelmer

.


AsPreciosasDoKelmer201605AS PRECIOSAS DO KELMER

Dicas e pitacos para o mês
#44, mai2016
> Esta edição no Facebook

Capa do mês: Mercedes Sosa, cantora e ativista argentina

.

.

*** MISTÉRIOS GOZOSOS

Nos séculos 17 e 18, os conventos portugueses recebiam não apenas mulheres com vocação religiosa, mas também mocinhas sem qualquer apreço por orações e penitências. Era para lá que muitas famílias enviavam suas filhas problemáticas, ou seja, as rebeldes e contestadoras, as ninfomaníacas, as que perdiam a virgindade antes do casamento, as homossexuais e as bastardas. O resultado é que os conventos se tornaram reduto das melhores amantes da época. Entre os frequentadores, estavam o poeta Gregório de Matos e até mesmo o rei João 5°.

Em seu livro “Que Seja em Segredo” (L&PM), a escritora Ana Miranda mostra como se davam os encontros e, pelos poemas e cartas transcritos no livro, podemos ver que a coisa realmente pegava fogo nos conventos. > Mais

.

*** MÃE

Uma música para hoje (08mai).

.

*** MERCEDES SOSA

Mercedes Sosa tornou-se uma das cantoras latino-americanas mais conhecidas do século 20. Nascida na Argentina, em San Miguel de Tucumán, em 1935, sua ascendência era francesa e indígena (do grupo diaguita). A sua música tem raízes na música folclórica argentina. Ela se tornou uma das expoentes da Nueva canción, movimento musical com raízes africanas, cubanas, andinas e espanholas, marcado por uma ideologia de rechaço às desigualdade sociais, ao imperialismo norte-americano e ao consumismo.

Além de obter muito sucesso na Argentina, a artista ganhou palcos pelas Américas e também na Europa. A temática social e a ligação com a esquerda lhe renderam também dissabores. Em 1979, um show da artista foi invadido pelos militares, durante a ditadura argentina (1976-83). Não apenas ela foi presa, mas inclusive o público presente. Naquele mesmo ano, Mercedes decidiu se exilar, voltando à Argentina em 1982, na fase final da ditadura. Na década de 1980, Mercedes realizou trabalhos em parceria com Milton Nascimento. Entre os brasileiros que também cantaram com ela estão Caetano Veloso, Daniela Mercury e Beth Carvalho.

Mercedes era Embaixadora da Boa Vontade da UNESCO para a América Latina e o Caribe. Em 200, 2003 e 2006 ganhou o Grammy Latino de melhor álbum de música folclórica. Ficou conhecida como a voz dos “sem voz”. Morreu em 2009, vítima de problemas renais, hepáticos e pulmonares. > Mais

.

.

AsPreciosasDoKelmer201605AS PRECIOSAS DO KELMER

> Esta edição no Facebook
> No Blog do Kelmer

.

.

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

– Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

Comentarios01COMENTÁRIOS
.

 


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: