#TamoJuntoChico

27dez2015

Hostilizar e xingar pessoas, como fizeram com Chico, apenas por elas pensarem diferente, é típico de mentalidades fascistas

TamoJuntoChico-01a

#TAMOJUNTOCHICO

.
Daqui de Braga, Portugal, sob o Arco da Porta Nova, junto-me aos brasileiros indignados com a violência sofrida por Chico Buarque por três pleimobils de direita. Hostilizar e xingar pessoas, como fizeram com Chico e estão fazendo com muitas outras pessoas, apenas por elas pensarem diferente, é típico de mentalidades fascistas.

Neste momento escuto Tanto Mar, que Chico compôs em homenagem à Revolução dos Cravos, ocorrida em Portugal em 1975 e que derrubou a ditadura fascista. As imagens do 25 de Abril, quando as tropas revoltosas tomaram as ruas do país e a população as recebeu com alegria, depositando cravos nos canos dos rifles dos soldados, hoje são poéticas lembranças de um momento decisivo da história de Portugal. Infelizmente, muitos dos ideais socialistas da Revolução perderam-se pelo caminho, mas ela serviu de inspiração para nós brasileiros prosseguirmos em nossa própria luta contra o regime militar instaurado em 1964.

Veja um vídeo onde Chico fala sobre a música, e por que ele teve de alterar a letra, criando uma versão atualizada em 1978. Ainda hoje, em Portugal, esta canção de Chico é tocada e saudada, e ficou como um belo e legítimo registro musical do 25 de Abril.

.
Ricardo Kelmer 2015 – blogdokelmer.com

.

TANTO MAR 1ª e 2ª versão + entrevista com Chico Buarque

.

> PLEIMOBILS – Saiba quem são os pleimobils que hostilizaram e xingaram Chico Buarque.
Álvaro Garnero Filho (Garnerinho)
Guilherme Junqueira Motta
Túlio Dek

Chico Buarque na Wikipedia

.

AMerdaDeSerChicoBuarque-01

A MERDA DE SER CHICO BUARQUE

.
Numa noite de dezembro de 2015, enquanto passeava com amigos, Chico Buarque foi abordado por três homens, que o hostilizaram e o xingaram de “merda”, entre outras indelicadezas. Os tais homens são playboys assumidos (veja seus perfils nas redes) e as famílias de ao menos dois deles têm histórico de sérios problemas com a Justiça. Eles fizeram isso porque Chico é um esquerdista declarado e defende o governo petista contra os interesses golpistas da direita. É claro que todos têm o direito de discordar de todos, mas infelizmente tem acontecido frequentemente de pessoas serem hostilizadas, xingadas, ameaçadas e agredidas tão-somente porque são petistas ou apoiam o governo. Isso é típico de mentalidades fascistas.

Mas, por que o episódio com Chico Buarque ganhou tanta repercussão? Um dos motivos é porque ele representa, com altíssima qualidade, a cultura brasileira (mas há quem discorde disso), e seu trabalho de músico, dramaturgo e escritor é reconhecido em muitos países. Um segundo motivo é que a esquerda jamais deixaria passar batido esse episódio, e é óbvio que o está usando politicamente, com todo o direito. Se Lobão ou Alexandre Frota, representantes dos artistas pró-impeachment, fossem hostilizados e xingados por conta de suas posições políticas, os antipetistas provavelmente os defenderiam, e estariam certos em fazê-lo.

Mas há um terceiro motivo, talvez o mais importante. Os três pleimobils que hostilizaram Chico são a cara da elite econômica que durante quinhentos anos governou este país, promovendo a desigualdade social e a corrupção. Sim, havia muita corrupção antes dos governos petistas, sempre houve ‒ o que não havia era fiscalização suficiente e nem punição, e a grande mídia fazia vista grossa. Essa elite não se conforma com quatro governos de esquerda seguidos, tem pavor de políticas de inclusão social e redistribuição de renda, e joga lado a lado com a grande mídia ‒ todos eles precisam de governantes comprometidos com os grandes interesses capitalistas para poder manter seus privilégios. Nesse sentido, a hostilização contra Chico, cuja arte estampa também sua preocupação com a justiça social, ganha uma imensa força simbólica, capaz de mobilizar muita gente, que é o que agora está acontecendo em todo o país.

(Ricardo Kelmer)

.

Sugestões de sites para o cidadão informar-se além do que diz a grande mídia:

Observatório da Imprensa – Congresso em Foco – Jornalistas Livres
Diário do Centro do Mundo – Revista Fórum – El Pais Brasil
Jornal GGN – Carta Capital – Caros Amigos – Vi o Mundo
Conversa Afiada

.

SAIBA MAIS

Regulação da mídia não é censura – Por Pedro Ekman e Bia Barbosa, 03.06.14

Mudanças aceleram regulamentação da mídia no mundo – Reportagem do Opera Mundi, 2010

Por que a dívida da Globo não é manchete de jornal? – Por Bruno Marinoni, 31.07.14

.

LEIA NESTE BLOG

DemocraciaERegualacaoDaMidia-02Democracia e regulação da mídia – A informação é um produto, e o mercado da informação precisa de regras, caso contrário o grupo que tem mais dinheiro monopolizará a informação, para prejuízo da sociedade em geral

WikiLeaks e o nascimento da cidadania global – Quanto mais as pessoas se conectam à internet, mais elas se entendem como participantes ativos dos destinos do mundo e não apenas de seu país

Acabou a paciência – O povo está enfim deixando de ser tão conformista e alcançando um novo nível de conscientização política. É gol do Brasil

.

.

Seja Leitor Vip e ganhe:

Acesso aos Arquivos Secretos
– Descontos, promoções e sorteios exclusivos
Basta enviar e-mail pra rkelmer@gmail.com com seu nome e cidade e dizendo como conheceu o Blog do Kelmer (saiba mais)

.

.

COMENTÁRIOS
.

01- Manda Braga aí, véi. Kelsen Bravos, Fortaleza-CE – dez2015

02- Abraço, querido!..tamojunto. Shirlene Holanda, São Paulo-SP – dez2015

03- Valeu, Ricardo! Obrigado pela lembrança e pelas referências. Chico é tudo, não tem pleimobil que apague isso. Abração. Jose Eduardo Menescal Saraiva, Rio de Janeiro-RJ – dez2015

04- Boa ! Márcio Caetano, Fortaleza-CE – dez2015

05- Tim-tim, pá!… Silvia Maria Ribeiro, São Paulo-SP – dez2015

06- Feliz Ano Novo entre o Papa Francisco e o Chico Buarque de Holanda iluminando amanhã!!!! Jorge Nascimento, Pernambuco-dez2015

07- Tamojunto ! Celso Litti, Rio de Janeiro-RJ – dez2015

08- #RolezinhoContraOódio. João Aguilar, Mogi das Cruzes-SP – dez2015

09-  Me lembrou, o, pá: « Oh, musa do meu fado / Oh, minha mãe gentil / Te deixo consternado / No primeiro abril / Mas não sê tão ingrata / » https://www.youtube.com/watch?v=VHQFmBrjLCM Willian Wagner Lautenschläger, Mogi das Cruzes-SP – dez2015

.

.

.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: